Carnaval da saudade

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Os primeiros a bater tambor com força por estas praias
Os primeiros a bater tambor com força por estas praias

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 27/01/2019 às 07:33:00

 

Carnaval da saudade
Falando nisso... A coluna faz questão de lembrar que as bandas Samba do Arnesto, Mestre Madruguinha, e toda a música pélvica/rebolativa realizada na aldeia Serigy é credora do impulso carnavalesco, festivo e desaforado da naurÊa, com atividades suspensas até segunda ordem, desde o ano passado. As bandas supracitadas, por exemplo, podem beber em fontes de inspiração diversas, com inflexão e méritos próprios. Mas foi o humor escrachado da naurÊa, a primeira a bater tambor com força por estas praias, que abriu os caminhos e nos apresentou a todos o que era uma festa boa de verdade.

Falando nisso... A coluna faz questão de lembrar que as bandas Samba do Arnesto, Mestre Madruguinha, e toda a música pélvica/rebolativa realizada na aldeia Serigy é credora do impulso carnavalesco, festivo e desaforado da naurÊa, com atividades suspensas até segunda ordem, desde o ano passado. As bandas supracitadas, por exemplo, podem beber em fontes de inspiração diversas, com inflexão e méritos próprios. Mas foi o humor escrachado da naurÊa, a primeira a bater tambor com força por estas praias, que abriu os caminhos e nos apresentou a todos o que era uma festa boa de verdade.