Sinal amarelo para o Olímpico. Time tem que vencer

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 31/01/2019 às 06:44:00

 

A situação do Olímpico já começa a se complicar. O time vai para a quarta partida na competição estadual, sem saber o que é vencer. Diferente do ano passado quando conquistou a classificação, este ano o time do Olímpico com certeza vai brigar para não ser rebaixado. E se quer se reabilitar, é bom começar logo agora, a partir desse jogo com o Itabaiana. Mas todos sabem que não será fácil vencer o Tricolor.
Para essa partida, o presidente Fabrício Varjão disse que a equipe terá algumas novidades. Até agora, alguns jogadores recém contratados não ganharam condição de jogo e isso tem prejudicado o trabalho do treinador Edmilson Santos. "O time está muito diferente do que foi na temporada passada. Em 2018 o Olímpico passou mais de 20 partidas invicto, conquistou a classificação e foi uma equipe totalmente diferente da atual. Mas a equipe vai melhorar com certeza e vamos brigar pela classificação", admite o presidente Varjão.
Destaque da equipe na temporada passada, o atacante Fabinho Cambalhota marcou o seu primeiro gol no estadual deste ano. Ele marcou o décimo gol em 26 jogos com a camisa do Dragão da Zona Sul. Fabinho admite também que o Olímpico pode superar a fase atual e ainda conquistar a classificação. 
- Enfim consegui marcar meu primeiro gol em jogo oficial este ano. Espero poder fazer mais gols daqui para frente para poder ajudar meu time a sair da parte inferior da tabela e ainda vou brigar pela artilharia do campeonato - afirmou o atacante do Olímpico.
A situação do Dragão da Zona Sul não é nada boa na primeira fase do Campeonato Sergipano. A equipe de Itabaianinha perdeu os três jogos que disputou. Na próxima rodada, o Olímpico vai enfrentar o Itabaiana, no Titão. 
- O que está faltando para nossa equipe, além de encontrar as vitórias, é um pouco mais de entrega de cada um. Sabemos que o Campeonato Sergipano é um dos mais difíceis de jogar, é preciso ter uma entrega maior durante cada partida, os times estão muito nivelados. Vamos buscar nos próximos jogos a nossa primeira vitória - finalizou o atacante do Olímpico.

A situação do Olímpico já começa a se complicar. O time vai para a quarta partida na competição estadual, sem saber o que é vencer. Diferente do ano passado quando conquistou a classificação, este ano o time do Olímpico com certeza vai brigar para não ser rebaixado. E se quer se reabilitar, é bom começar logo agora, a partir desse jogo com o Itabaiana. Mas todos sabem que não será fácil vencer o Tricolor.
Para essa partida, o presidente Fabrício Varjão disse que a equipe terá algumas novidades. Até agora, alguns jogadores recém contratados não ganharam condição de jogo e isso tem prejudicado o trabalho do treinador Edmilson Santos. "O time está muito diferente do que foi na temporada passada. Em 2018 o Olímpico passou mais de 20 partidas invicto, conquistou a classificação e foi uma equipe totalmente diferente da atual. Mas a equipe vai melhorar com certeza e vamos brigar pela classificação", admite o presidente Varjão.
Destaque da equipe na temporada passada, o atacante Fabinho Cambalhota marcou o seu primeiro gol no estadual deste ano. Ele marcou o décimo gol em 26 jogos com a camisa do Dragão da Zona Sul. Fabinho admite também que o Olímpico pode superar a fase atual e ainda conquistar a classificação. 
- Enfim consegui marcar meu primeiro gol em jogo oficial este ano. Espero poder fazer mais gols daqui para frente para poder ajudar meu time a sair da parte inferior da tabela e ainda vou brigar pela artilharia do campeonato - afirmou o atacante do Olímpico.
A situação do Dragão da Zona Sul não é nada boa na primeira fase do Campeonato Sergipano. A equipe de Itabaianinha perdeu os três jogos que disputou. Na próxima rodada, o Olímpico vai enfrentar o Itabaiana, no Titão. 
- O que está faltando para nossa equipe, além de encontrar as vitórias, é um pouco mais de entrega de cada um. Sabemos que o Campeonato Sergipano é um dos mais difíceis de jogar, é preciso ter uma entrega maior durante cada partida, os times estão muito nivelados. Vamos buscar nos próximos jogos a nossa primeira vitória - finalizou o atacante do Olímpico.