Sergipanos curtem shows de Madonna em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Mayke Vianna, Elisson Santana, Alessandro Carlos, Alessandro Sagatto, Ewerton Ciccone, Vanessa Santana e Lucas Lima
Mayke Vianna, Elisson Santana, Alessandro Carlos, Alessandro Sagatto, Ewerton Ciccone, Vanessa Santana e Lucas Lima

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 28/11/2012 às 02:38:00

Saulo Andrade
 
Toda vez que a rainha do pop confirma passagem de sua turnê pelo Brasil mobiliza uma turma de fãs incondicionais que não param de comentar como estão ansiosos para a sua chegada . Seja nas redes sociais ou em manifestações públicas, eles demostram o carinho que sentem pela incrível cantora a todo momento. E o responsável por esta 'inquietação coletiva' é o atual projeto dela intitulado "MDNA Tour", que está chegando ao Brasil em dezembro com shows marcados para São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre. Detalhe: A última vez que Madonna cantou no país foi em 2008.

E em Sergipe não é diferente! É comum vermos manifestações de pessoas que idolatram a diva e a esperam ansiosamente em nosso país. Praticamente estamos na véspera dos shows que acontecem dia 1º de dezembro no Rio de Janeiro, no Parque dos Atletas; dias 4 e 5 de dezembro em São Paulo, no Estádio do Morumbi; e dia 9 em Porto Alegre, no Estádio Olímpico. Alguns fãs sergipanos se reuniram em um dos shoppings da cidade para demonstrar o quanto são apaixonados por ela, para debater sobre histórias e as principais notícias que envolvem o glamuroso mundo de Madonna.

O grupo é formado por 45 pessoas: 27 sergipanos e 3 baianos já garantiram o ingresso do show no dia 02 de dezembro no Rio ; 15 confirmaram que vão juntos ao show de São Paulo, no dia 04 de dezembro. Entre estes fãs apaixonados estão Ewrton Ciccone, Alessandro Carlos, Mayke Vianna, Elisson Santana, Alessandro Sagatto, Lucas Lima e Vanessa Santana, que são "loucos" pela Madonna e não escondem o quanto estão animados para o tão esperado dia das apresentações.

É a primeira vez que eles se reúnem com o intuito de irem juntos ao show de Madonna em terra tupiniquim, mas confirmam que estão adorando conviver com pessoas que pensam e compartilham do mesmo sentimento pela diva. "Vamos de avião e lá, aqueles que pretendem assistir a mesma apresentação vão se reunir para ir juntos ao show", explica Ewerton que esclarece ainda que a ideia é facilitar já que muitos estão indo pela primeira vez.

Muitos estão criando formas de chamar a atenção da rainha loira de várias formas. Lucas Lima pretende encher bexigas com as palavras da música 'Give me all your Luvin'. "Pretendo chamar atenção e transmitir toda a emoção de fã, demonstrando toda nossa alegria em estar com ela", justifica o empolgado Lucas. Outro fã que nos chamou atenção pela coragem e carinho pela estrela foi Elisson Santana. Ele tatuou no peito 'Forbidden Love -Confessions on a Dance Floor' - nome de um algum título de música. "Fiz esta homenagem por causa do amor que sinto pelo álbum- o meu favorito, minha música preferida e pela Madonna, lógico!".
 
Experiência de Fã - Diante do seu histórico sabemos que Madonna dispensa comparações com outras cantoras, principalmente em relação às atuais por sua experiência e anos de estrada- sinônimo de maturidade artística. A não ser Cher - conhecida por Deusa do Pop, por ter sido pioneira na pop music, despontou para o estrelato em 1965 - ; Donna Summer conhecida por suas gravações em estilo disco dos anos 70; Cindy Lauper, que estreou por volta dos anos 80,mesmo período que Madonna despontava sua carreira, entre outras que ainda poderiam ser comparadas a absoluta Rainha Pop. Porém, nenhuma delas possuiu o mesmo fôlego midiático que a nossa estrela.

E mesmo todas elas tendo fãs apaixonados, conhecemos três fãs loucos pela Madonna que dispensam comentários. O Dj Ewerton Ciccone conheceu Madonna por volta do finalzinho da década de 80, e ficou encantado pela performance ousada e provocante da "doidinha" pop conhecida por provocar fervorosamente a igreja católica em suas músicas e performances. De acordo com o experiente Ewerton, pode ser a última oportunidade que os fãs da América do Sul tenham para ver a apresentação da cantora em solo brasileiro. "Meu receio e, também, de boa parte dos fãs é que ela [Madonna] não volte ao Brasil outra vez por conta da logística de grande porte. Está ficando caro trazer grandes shows para nosso continente e não é qualquer país que tem condições financeiras de bancar um show completo com uma produção como a de Madonna", destaca o inquieto Ciccone, que conhece bem a vida da pop star.

Outro que confirma esta preocupação é o fotografo Alessandro Sagatto, mas reconhece que só pensa em aproveitar a passagem da musa pelo Brasil e curtir bastante a apresentação. "Ainda estou tranquilo. Mesmo calmo procuro ficar por dentro de tudo que está acontecendo. Mas um dia antes do show sei que não vou conseguir dormir de tão empolgado", confessa Sagatto que já foi a outras apresentações de Madonna no Brasil e que de tão fã montou um blog com um vasto acervo histórico da cantora que possui mais de um milhão de acessos, além de criar uma banda chamada 'Borderline' em homenagem a rainha.

A "MDNA Tour" também tem um gostinho especial para Alessandro Carlos que é fã há 30 anos de Madonna no entanto, nunca a viu de perto. Ele que a idolatra desde quando surgiu nas paradas pop, admite que fica imaginando o clima e como será seu comportamento diante da apresentação da 'material girl'. "Fico imaginando minha reação quando começar o show. Não tenho como definir o que estou sentindo a emoção e a minha expectativa são grandes", declara Alessandro.