DHPP prende suspeitos de assassinato em ônibus na zona oeste

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 06/02/2019 às 05:12:00

 

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil detalhou na manhã de ontem as investigações que resultaram nas prisões de Paulo Roberto dos Santos e Jefferson Williames Santos Marques. Eles são suspeitos de assassinar um morador de rua, ainda não identificado, no último dia 31 de janeiro no interior de um ônibus do transporte coletivo.  
Segundo a delegada Thereza Simony, policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos tomaram conhecimento de que Jefferson e Paulo estariam praticando roubos de veículos na zona norte de Aracaju. "Os policiais fizeram campana e viram dois homens saindo com uma motocicleta de um beco. Já na avenida Santa Gleide, os agentes notaram a Polícia Militar abordando Jefferson Williames, que foi liberado logo em seguida", explicou.
Ainda de acordo com a delegada, momentos após essa abordagem, Jefferson entrou em um ônibus coletivo e efetuou disparos de arma de fogo contra um passageiro. As imagens mostram que o ônibus estava lotado e houve pânico. A investigação apurou que o crime foi motivado por vingança, pois a vítima tinha roubado o celular de Paulo Roberto. 
Jefferson Williames foi identificado por testemunhas e confessou a participação no crime, quando foi preso por roubo no último domingo, dia 03. Paulo Roberto foi preso um dia após o delito e também confessou a participação. A vítima continua sem identificação no Instituto Médico Legal. O inquérito será encaminhado ao Judiciário dentro de 10 dias.  

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil detalhou na manhã de ontem as investigações que resultaram nas prisões de Paulo Roberto dos Santos e Jefferson Williames Santos Marques. Eles são suspeitos de assassinar um morador de rua, ainda não identificado, no último dia 31 de janeiro no interior de um ônibus do transporte coletivo.  Segundo a delegada Thereza Simony, policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos tomaram conhecimento de que Jefferson e Paulo estariam praticando roubos de veículos na zona norte de Aracaju. "Os policiais fizeram campana e viram dois homens saindo com uma motocicleta de um beco. Já na avenida Santa Gleide, os agentes notaram a Polícia Militar abordando Jefferson Williames, que foi liberado logo em seguida", explicou.
Ainda de acordo com a delegada, momentos após essa abordagem, Jefferson entrou em um ônibus coletivo e efetuou disparos de arma de fogo contra um passageiro. As imagens mostram que o ônibus estava lotado e houve pânico. A investigação apurou que o crime foi motivado por vingança, pois a vítima tinha roubado o celular de Paulo Roberto. 
Jefferson Williames foi identificado por testemunhas e confessou a participação no crime, quando foi preso por roubo no último domingo, dia 03. Paulo Roberto foi preso um dia após o delito e também confessou a participação. A vítima continua sem identificação no Instituto Médico Legal. O inquérito será encaminhado ao Judiciário dentro de 10 dias.