Chuvas de verão atingem todo o Estado

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
As fortes chuvas na manhã de ontem criaram dificuldades para os motoristas
As fortes chuvas na manhã de ontem criaram dificuldades para os motoristas

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 07/02/2019 às 07:14:00

 

Milton Alves Júnior
Estudo realizados pelo Centro de Meteorologia de Sergipe indicam que as chuvas devem permanecer moderadas em boa parte do Estado de Sergipe até a manhã do próximo sábado, 09. Os especialistas apontam essas ações da natureza como típicas chuvas de verão que costumam vir acompanhadas de rajadas de vento e trovoadas. Paralelo aos municípios pertencentes à Região Metropolitana de Aracaju, as cidades de Ilha das Flores, Brejo Grande e Neópolis amanheceram ontem debaixo de chuva firme ao ponto de gerar alagamentos em bairros variados. Na capital sergipana foram registradas quedas de árvores, colisões, congestionamentos acima da normalidade e colapso parcial de telhado.
Apesar de não ter havido nenhum pedido de socorro considerado de alta complexidade, a Defesa Civil Estadual alerta para as áreas de risco e coloca o número de plantão à disposição (79) 98822-1374. Pela Defesa Civil Municipal duas residências foram interditadas por apresentar problemas estruturais e vulnerabilidades às famílias que nessas casas habitavam. Em Aracaju os pontos de alagamento foram registrados nos bairros Centro - nas ruas paralelas ao mercado central -, no bairro Jardins, 13 de Julho, Mosqueiro, Porto Dantas, Santa Maria, e nas avenidas Hermes Fontes, Ivo do Prado e Acrísio Cruz - nas proximidades da Praça da Imprensa.
Na perspectiva de evitar sinistros, o secretário executivo da Defesa Civil, Major Luciano Queiroz, informou que: "estamos em alerta, nos comunicando com frequência com todos os coordenadores dos municípios para obter informação detalharas sobre as regiões antes que sofram algum tipo de dano. A proposta é multiplicar as ações e previnir a todos até que o tempo volte a ficar firme, sem pancadas de chuvas e rajadas de vento". Ainda de acordo com o gestor a esperança é que nas próximas 48 horas as chuvas sejam conduzidas para os municípios pertencentes ao Baixo São Francisco, em especial na cidade de Tobias Barreto.
"Historicamente essas chuvas de verão com trovoadas costumam encher rapidamente os reservatórios hídricos e isso nos gera esperança. Estamos torcendo que essa água chegue até as regiões mais atingidas pela seca e ajude a diminuir a longa estiagem que provoca problemas às pessoas, animais e plantações justamente pela falta de água em larga escala", enalteceu o Major Luciano Queiroz. A previsão para hoje é de tempo aberto, com chuva entre a tarde e a noite. As temperaturas devem variar entre 23 e 32º. Amanhã e sábado a previsão é de tempo parcialmente nublado, mas sem chuvas na Grande Aracaju. As pancadas devem retornar na tarde e noite de domingo.

Milton Alves Júnior

Estudo realizados pelo Centro de Meteorologia de Sergipe indicam que as chuvas devem permanecer moderadas em boa parte do Estado de Sergipe até a manhã do próximo sábado, 09. Os especialistas apontam essas ações da natureza como típicas chuvas de verão que costumam vir acompanhadas de rajadas de vento e trovoadas. Paralelo aos municípios pertencentes à Região Metropolitana de Aracaju, as cidades de Ilha das Flores, Brejo Grande e Neópolis amanheceram ontem debaixo de chuva firme ao ponto de gerar alagamentos em bairros variados. Na capital sergipana foram registradas quedas de árvores, colisões, congestionamentos acima da normalidade e colapso parcial de telhado.
Apesar de não ter havido nenhum pedido de socorro considerado de alta complexidade, a Defesa Civil Estadual alerta para as áreas de risco e coloca o número de plantão à disposição (79) 98822-1374. Pela Defesa Civil Municipal duas residências foram interditadas por apresentar problemas estruturais e vulnerabilidades às famílias que nessas casas habitavam. Em Aracaju os pontos de alagamento foram registrados nos bairros Centro - nas ruas paralelas ao mercado central -, no bairro Jardins, 13 de Julho, Mosqueiro, Porto Dantas, Santa Maria, e nas avenidas Hermes Fontes, Ivo do Prado e Acrísio Cruz - nas proximidades da Praça da Imprensa.
Na perspectiva de evitar sinistros, o secretário executivo da Defesa Civil, Major Luciano Queiroz, informou que: "estamos em alerta, nos comunicando com frequência com todos os coordenadores dos municípios para obter informação detalharas sobre as regiões antes que sofram algum tipo de dano. A proposta é multiplicar as ações e previnir a todos até que o tempo volte a ficar firme, sem pancadas de chuvas e rajadas de vento". Ainda de acordo com o gestor a esperança é que nas próximas 48 horas as chuvas sejam conduzidas para os municípios pertencentes ao Baixo São Francisco, em especial na cidade de Tobias Barreto.
"Historicamente essas chuvas de verão com trovoadas costumam encher rapidamente os reservatórios hídricos e isso nos gera esperança. Estamos torcendo que essa água chegue até as regiões mais atingidas pela seca e ajude a diminuir a longa estiagem que provoca problemas às pessoas, animais e plantações justamente pela falta de água em larga escala", enalteceu o Major Luciano Queiroz. A previsão para hoje é de tempo aberto, com chuva entre a tarde e a noite. As temperaturas devem variar entre 23 e 32º. Amanhã e sábado a previsão é de tempo parcialmente nublado, mas sem chuvas na Grande Aracaju. As pancadas devem retornar na tarde e noite de domingo.