Sergipe anuncia algumas contratações

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 08/02/2019 às 06:07:00

 

Depois da chegada 
do meia Zé Mario e 
do lateral direito Diogo Silva, o Sergipe deve anunciar nas próximas horas as contratações dos conhecidos atacantes Giancarlo e Maranhão. Indicados pelo treinador Edmilson Silva, jogadores devem ser apresentados no João Hora ainda esta semana. Giancarlo teve como último clube, o Pelotas-RS, enquanto Maranhão, vem do Cascavel-PR.
Giancarlo tem 36 anos e passou por clubes como Chapecoense, Paraná, Atlético Goianiense, CSA, entre outros. Pelo Pelotas, fez 2 jogos, mas não marcou nenhum gol. Já Wenderson da Silva Soares, o Maranhão, tem 26 anos e passou pelo futebol sueco, além de clubes como Cruzeiro, América Mineiro, Fluminense de Feira, Campinense e Ceará. Foi no Fortaleza que ele teve um maior destaque, quando marcou 10 gols em 40 jogos.
Tempo para preparação - A folga do campeonato estadual foi considerada muito boa pelos rubros, não só para dar um descanso ao desgastado elenco, como também para o treinador prepara estratégias de jogo, para os próximos compromissos. O Sergipe só volta a jogar no dia 13 contra o Goiás, pela Copa do Brasil. Até lá, Edmilson Silva terá tempo suficiente para adotar uma nova concepção de jogo no elenco rubro ao tempo em que vai introduzindo no grupo e no time titular os novos contratados. 

Depois da chegada  do meia Zé Mario e  do lateral direito Diogo Silva, o Sergipe deve anunciar nas próximas horas as contratações dos conhecidos atacantes Giancarlo e Maranhão. Indicados pelo treinador Edmilson Silva, jogadores devem ser apresentados no João Hora ainda esta semana. Giancarlo teve como último clube, o Pelotas-RS, enquanto Maranhão, vem do Cascavel-PR.
Giancarlo tem 36 anos e passou por clubes como Chapecoense, Paraná, Atlético Goianiense, CSA, entre outros. Pelo Pelotas, fez 2 jogos, mas não marcou nenhum gol. Já Wenderson da Silva Soares, o Maranhão, tem 26 anos e passou pelo futebol sueco, além de clubes como Cruzeiro, América Mineiro, Fluminense de Feira, Campinense e Ceará. Foi no Fortaleza que ele teve um maior destaque, quando marcou 10 gols em 40 jogos.
Tempo para preparação - A folga do campeonato estadual foi considerada muito boa pelos rubros, não só para dar um descanso ao desgastado elenco, como também para o treinador prepara estratégias de jogo, para os próximos compromissos. O Sergipe só volta a jogar no dia 13 contra o Goiás, pela Copa do Brasil. Até lá, Edmilson Silva terá tempo suficiente para adotar uma nova concepção de jogo no elenco rubro ao tempo em que vai introduzindo no grupo e no time titular os novos contratados.