FSF decreta luto oficial e um minuto de silêncio

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
A tragédia desta sexta-feira no Ninho do Urubu, destruiu os sonhos de um dos futuros craques do Flamengo. O sergipano Áthila Paixão, com seus pais, foi uma das vítimas do incêndio
A tragédia desta sexta-feira no Ninho do Urubu, destruiu os sonhos de um dos futuros craques do Flamengo. O sergipano Áthila Paixão, com seus pais, foi uma das vítimas do incêndio

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 09/02/2019 às 05:52:00

 

Lamentando a tragédia da manhã desta sexta-feira no Rio de Janeiro, que vitimou seis atletas da equipe do Flamengo, deixando o futebol brasileiro de luto, o presidente da Federação Sergipana de Futebol (FSF), Milton Dantas se soma a dor dos familiares dos atletas falecidos, especialmente do sergipano Áthila Paixão, desejando a quem dirige sua solidariedade com os votos de pesar e condolências.
Consternado com a tragédia, o presidente da FSF decretou luto oficial de três dias no futebol sergipano e um minuto de silêncio em todas as partidas oficiais deste final de semana.
Dirigentes de outras equipes sergipanas também prestaram as homenagens póstumas ao Flamengo nesse momento de dor. Com o escudo com fundo negro e a inscrição "Força Flamengo", as equipes sergipanas do Confiança, Sergipe, Itabaiana, Lagarto, Dorense e Olímpico, foram solidários à equipe do Rio de Janeiro, nesse momento de dor.

Lamentando a tragédia da manhã desta sexta-feira no Rio de Janeiro, que vitimou seis atletas da equipe do Flamengo, deixando o futebol brasileiro de luto, o presidente da Federação Sergipana de Futebol (FSF), Milton Dantas se soma a dor dos familiares dos atletas falecidos, especialmente do sergipano Áthila Paixão, desejando a quem dirige sua solidariedade com os votos de pesar e condolências.
Consternado com a tragédia, o presidente da FSF decretou luto oficial de três dias no futebol sergipano e um minuto de silêncio em todas as partidas oficiais deste final de semana.
Dirigentes de outras equipes sergipanas também prestaram as homenagens póstumas ao Flamengo nesse momento de dor. Com o escudo com fundo negro e a inscrição "Força Flamengo", as equipes sergipanas do Confiança, Sergipe, Itabaiana, Lagarto, Dorense e Olímpico, foram solidários à equipe do Rio de Janeiro, nesse momento de dor.