Secretaria abre inscrição para processo seletivo de professores dos Centros Experimentais do Ensino Médio

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 28/11/2012 às 03:05:00

O período de inscrição do Processo Seletivo Simplificado de Professores para os Centros Experimentais de Ensino Médio teve início ontem, 27, e seguem até o dia 11 de dezembro, das 8h às 13h. De acordo com a Secretaria de Estado da Educação, somente poderão participar do processo seletivo os professores efetivos integrantes do quadro permanente da Rede Estadual de Ensino.

O processo destina-se ao provimento de sete vagas, quatro das quais são para informática básica e três para língua espanhola e formação de cadastro de reserva. O candidato à vaga para professor de espanhol deve ter licenciatura plena em Letras Português/Espanhol ou Letras Espanhol. Para informática básica, o candidato precisa ser formado em qualquer curso de licenciatura plena, cujo histórico apresente disciplina ligada à área de informática ou ter curso de atualização na área de informática com carga horária mínima de 40 horas.

Os candidatos excedentes farão parte de uma listagem geral classificatória dividida por área de atuação, de acordo com a pontuação de cada um deles. Os candidatos selecionados em Língua Espanhola exercerão as funções de professores de educação básica nas séries do Ensino Médio, em regime de tempo integral. Já os candidatos selecionados com conhecimento de informática deverão ministrar aulas da disciplina Informática Básica e das disciplinas optativas do Ensino Médio Inovador ou desenvolver projetos, conforme a necessidade do Centro Experimental em que estiver lotado. A atuação desses professores se dará após concessão de autorização temporária fornecida pelo Departamento de Inspeção Escolar.

Os professores terão uma carga horária de 40 horas semanais em regime de tempo integral, nos turnos matutino e vespertino. Além da remuneração inerente ao cargo efetivo, o corpo docente fará jus à gratificação por atividade de tempo integral no percentual de 100% sobre o vencimento básico, criada pela Lei Complementar 179/2009.