Prefeitura de Estância concede reajuste do piso do magistério para fevereiro

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O prefeito de Estância, Gilson Andrade
O prefeito de Estância, Gilson Andrade

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 16/02/2019 às 06:10:00

 

O prefeito de Estância, Gilson Andrade, enviou para a Câmara Municipal e os vereadores aprovaram o Projeto de Lei Complementar Nº 01/2019, que altera a Tabela de Vencimentos do Quadro Permanente do Magistério referente ao exercício de 2018 e assegura o reajuste num percentual de 4,17% referente ao piso de 2019.
De acordo com o texto do PL, fica assegurado para o mês de fevereiro de 2019 o pagamento integral do retroativo de janeiro do ano em curso. Assim, Estância se destaca como o primeiro município a aprovar o reajuste do piso dos professores.
Os dirigentes do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica do Estado de Sergipe (Sintese) participaram da negociação que tratou do reajuste do piso nacional dos profissionais do magistério público da educação básica. O prefeito Gilson Andrade foi o primeiro da Região Sul do Estado a receber o sindicato.
 "Durante esses dois anos estamos mantendo um canal de diálogo com os professores. Isso porque entendo que uma educação pública de qualidade passa pela valorização dos professores. Por conta disso, temos alcançado resultados educacionais de muito sucesso em 2018, e para o ano de 2019 esperamos ainda mais resultados", afirmou Gilson Andrade.

O prefeito de Estância, Gilson Andrade, enviou para a Câmara Municipal e os vereadores aprovaram o Projeto de Lei Complementar Nº 01/2019, que altera a Tabela de Vencimentos do Quadro Permanente do Magistério referente ao exercício de 2018 e assegura o reajuste num percentual de 4,17% referente ao piso de 2019.
De acordo com o texto do PL, fica assegurado para o mês de fevereiro de 2019 o pagamento integral do retroativo de janeiro do ano em curso. Assim, Estância se destaca como o primeiro município a aprovar o reajuste do piso dos professores.
Os dirigentes do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica do Estado de Sergipe (Sintese) participaram da negociação que tratou do reajuste do piso nacional dos profissionais do magistério público da educação básica. O prefeito Gilson Andrade foi o primeiro da Região Sul do Estado a receber o sindicato.
 "Durante esses dois anos estamos mantendo um canal de diálogo com os professores. Isso porque entendo que uma educação pública de qualidade passa pela valorização dos professores. Por conta disso, temos alcançado resultados educacionais de muito sucesso em 2018, e para o ano de 2019 esperamos ainda mais resultados", afirmou Gilson Andrade.