Radares da Etelvino Alves de Lima começarão a operar no dia 11 de março

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 22/02/2019 às 08:17:00

 

Os equipamentos de fiscalização eletrônica instalados na avenida Etelvino Alves de Lima passaram por aferição do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) na tarde dessa quinta-feira, 21. O procedimento é previsto em resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e imprescindível para a operação de radares em ruas, avenidas e rodovias.
De acordo com o coordenador de Sinalização da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) de Aracaju, Diego Carvalho, a aferição realizada pelo Inmetro é uma garantia de que os equipamentos vão identificar com precisão a velocidade dos veículos que trafegam pela via. "É parte essencial do procedimento de instalação de radares na avenida Etelvino Alves de Lima, que estamos viabilizando a pedido dos moradores da região", relembra.
Após a aferição dos radares, a fiscal do Inmetro, Taíse Menezes, confirmou a liberação dos equipamentos. "Fizemos o procedimento padrão, verificamos os equipamentos nas duas faixas e eles estão aprovados e já podem funcionar", conta.
Apesar da comprovação de funcionalidade feita pelos técnicos do instituto, o coordenador de Sinalização da SMTT ressalta que, os motoristas que trafegam pela área terão mais de duas semanas de adaptação antes da operação plena dos equipamentos. "Mesmo com os equipamentos já inspecionados e liberados pelo Inmetro, os condutores que ultrapassarem o limite de velocidade permitido só serão autuados a partir de 11 de março", afirma Diego.

Os equipamentos de fiscalização eletrônica instalados na avenida Etelvino Alves de Lima passaram por aferição do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) na tarde dessa quinta-feira, 21. O procedimento é previsto em resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e imprescindível para a operação de radares em ruas, avenidas e rodovias.
De acordo com o coordenador de Sinalização da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) de Aracaju, Diego Carvalho, a aferição realizada pelo Inmetro é uma garantia de que os equipamentos vão identificar com precisão a velocidade dos veículos que trafegam pela via. "É parte essencial do procedimento de instalação de radares na avenida Etelvino Alves de Lima, que estamos viabilizando a pedido dos moradores da região", relembra.
Após a aferição dos radares, a fiscal do Inmetro, Taíse Menezes, confirmou a liberação dos equipamentos. "Fizemos o procedimento padrão, verificamos os equipamentos nas duas faixas e eles estão aprovados e já podem funcionar", conta.
Apesar da comprovação de funcionalidade feita pelos técnicos do instituto, o coordenador de Sinalização da SMTT ressalta que, os motoristas que trafegam pela área terão mais de duas semanas de adaptação antes da operação plena dos equipamentos. "Mesmo com os equipamentos já inspecionados e liberados pelo Inmetro, os condutores que ultrapassarem o limite de velocidade permitido só serão autuados a partir de 11 de março", afirma Diego.