Defesa Civil Estadual participa de simulado de emergência em barragem na Bahia

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Além da Defesa Civil, participaram do simulado integrantes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros
Além da Defesa Civil, participaram do simulado integrantes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 23/02/2019 às 08:21:00

 

Nesta quinta e sexta-feira, integrantes do departamento Estadual de Proteção e Defesa Civil participaram do primeiro simulado de emergência da barragem de rejeitos localizada em Jacobina, na Bahia, juntamente com moradores e representantes de órgãos públicos.
Além da Defesa Civil, participaram do simulado integrantes da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros, funcionários da mineradora responsável pela barragem, Yamanagold; e mais 400 moradores da região que vivem nas proximidades da barragem, nos povoados Canavieiras, Itapicuru, Pontilhão, Pontilhão de Canavieiras e Couro Velho.
O simulado teve início às 8h e incluiu teste da sirene, das rotas de fuga e dos pontos de encontro, para garantir ainda mais a segurança da população desses povoados. De acordo com o diretor da Defesa Civil Estadual, Cel. Alexandre José, a Defesa Civil de Sergipe atendeu ao convite, considerando a relevância da experiência simulatória, diante do recente acidente da barragem em Brumadinho (MG).
 "Apesar de não termos barragens de rejeitos [apenas de armazenamento de água para consumo e irrigação] e, Sergipe, foi importante participarmos desse simulado, considerando os conhecimentos necessários para lidar com a complexidade que é um grande evento desastroso com a participação de múltiplos agentes", destacou o diretor da Defesa Civil Estadual.

Nesta quinta e sexta-feira, integrantes do departamento Estadual de Proteção e Defesa Civil participaram do primeiro simulado de emergência da barragem de rejeitos localizada em Jacobina, na Bahia, juntamente com moradores e representantes de órgãos públicos.
Além da Defesa Civil, participaram do simulado integrantes da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros, funcionários da mineradora responsável pela barragem, Yamanagold; e mais 400 moradores da região que vivem nas proximidades da barragem, nos povoados Canavieiras, Itapicuru, Pontilhão, Pontilhão de Canavieiras e Couro Velho.
O simulado teve início às 8h e incluiu teste da sirene, das rotas de fuga e dos pontos de encontro, para garantir ainda mais a segurança da população desses povoados. De acordo com o diretor da Defesa Civil Estadual, Cel. Alexandre José, a Defesa Civil de Sergipe atendeu ao convite, considerando a relevância da experiência simulatória, diante do recente acidente da barragem em Brumadinho (MG).
 "Apesar de não termos barragens de rejeitos [apenas de armazenamento de água para consumo e irrigação] e, Sergipe, foi importante participarmos desse simulado, considerando os conhecimentos necessários para lidar com a complexidade que é um grande evento desastroso com a participação de múltiplos agentes", destacou o diretor da Defesa Civil Estadual.