Duda e Ágatha estão muito bem em Fortaleza

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 23/02/2019 às 14:36:00

 

A dupla da sergipana Duda Lisboa está muito bem Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia 18/19 que acontece em Fortaleza. Outra dupla que vai muito bem é da outra sergipana Tainá e Victoria. Contando com o apoio da torcida na arena montada no Aterro da Praia de Iracema, as sergipanas se destacaram e avançaram às oitavas de final do torneio.
Entre os 16 times que avançaram às oitavas de final, seis conseguiram duas vitórias seguidas, avançando em primeiro lugar em seus respectivos grupos. São eles Ágatha/Duda (SE/PR), Tainá/Victoria (SE/MS), Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ), Carol Solberg/Maria Elisa (RJ), Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) e Talita/Taiana (AL/CE).
O Circuito Brasileiro 18/19 conta com sete etapas, começando em setembro de 2018 e seguindo até abril deste ano. Na primeira etapa da temporada, disputada em Palmas (TO), Hevaldo/Arthur Lanci (CE/PR) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) ficaram com a medalha de ouro. Já na segunda parada, disputada no mês de outubro, em Vila Velha (ES), títulos para Guto/Saymon (RJ/MS) e Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ).
Em Campo Grande (MS), em novembro do ano passado, ouro de Pedro Solberg/Bruno Schmidt (RJ/DF) e Ágatha/Duda (PR/SE). Já em janeiro deste ano, na retomada do tour em São Luís (MA), títulos para Ricardo/Álvaro Filho (BA/PB) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE). Ainda serão disputadas etapas em Natal (RN), em março, e João Pessoa (PB), em abril.
Além das duplas campeãs de cada etapa, também existem os campeões gerais da temporada, somando a pontuação obtida nos sete eventos. A competição distribui R$ 45 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são distribuídos quase R$ 500 mil por etapa.

A dupla da sergipana Duda Lisboa está muito bem Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia 18/19 que acontece em Fortaleza. Outra dupla que vai muito bem é da outra sergipana Tainá e Victoria. Contando com o apoio da torcida na arena montada no Aterro da Praia de Iracema, as sergipanas se destacaram e avançaram às oitavas de final do torneio.
Entre os 16 times que avançaram às oitavas de final, seis conseguiram duas vitórias seguidas, avançando em primeiro lugar em seus respectivos grupos. São eles Ágatha/Duda (SE/PR), Tainá/Victoria (SE/MS), Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ), Carol Solberg/Maria Elisa (RJ), Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) e Talita/Taiana (AL/CE).
O Circuito Brasileiro 18/19 conta com sete etapas, começando em setembro de 2018 e seguindo até abril deste ano. Na primeira etapa da temporada, disputada em Palmas (TO), Hevaldo/Arthur Lanci (CE/PR) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) ficaram com a medalha de ouro. Já na segunda parada, disputada no mês de outubro, em Vila Velha (ES), títulos para Guto/Saymon (RJ/MS) e Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ).
Em Campo Grande (MS), em novembro do ano passado, ouro de Pedro Solberg/Bruno Schmidt (RJ/DF) e Ágatha/Duda (PR/SE). Já em janeiro deste ano, na retomada do tour em São Luís (MA), títulos para Ricardo/Álvaro Filho (BA/PB) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE). Ainda serão disputadas etapas em Natal (RN), em março, e João Pessoa (PB), em abril.
Além das duplas campeãs de cada etapa, também existem os campeões gerais da temporada, somando a pontuação obtida nos sete eventos. A competição distribui R$ 45 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são distribuídos quase R$ 500 mil por etapa.