Agências do Banese cumprem normas de atendimento ao consumidor, atesta fiscalização

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 26/03/2019 às 22:37:00

 

As agências do Bane-
se estão cumprindo 
os parâmetros estabelecidos em lei para atendimento ao consumidor. A informação é da Defensoria Pública do Estado de Sergipe, que, em meados deste mês, realizou uma inspeção e constatou que os serviços de atendimento nas agências do banco estão funcionando conforme os padrões de qualidade previstos em lei.
A inspeção nas agências do Banese foi realizada pelo Núcleo Especializado de Defesa do Consumidor da Defensoria Pública estadual, em parceria com o Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Aracaju). Conforme reportagem sobre a diligência, publicada na seção de Notícias do site da Defensoria (https://www.defensoria. se.def.br/), o defensor público Rodrigo Cavalcante ficou satisfeito com a inspeção.
 "Fizemos estas inspeções para verificar se o Banese está cumprindo os parâmetros estabelecidos em lei para atendimento ao consumidor e, nas agências inspecionadas, verificamos que as exigências estão sendo cumpridas a contento. Vale a pena ressaltar que o objetivo da Defensoria Pública e do Procon é que as leis de proteção ao consumidor sejam respeitadas e ficamos satisfeitos em ver que o banco vem se adequando às leis", afirmou Cavalcante.
Ainda segundo a reportagem, o diretor do Procon Aracaju, Igor Lopes, também se manifestou sobre a diligência nas agências do Banese. "Fizemos o checklist e nada foi encontrado de anormal. O trabalho continua e vale ressaltar que periodicamente o Procon está fiscalizando esse segmento do mercado (bancos). O consumidor que se sentir lesado deve procurar os órgãos de proteção para que possamos adotar as medidas cabíveis", disse Lopes.
Repercussão - O resultado da fiscalização foi bem recebido pelo presidente do Banese, Fernando Mota. "O Banese, nos últimos anos, vem promovendo mudanças estruturais e de pessoal nas suas agências, para que elas funcionem dentro da normalidade. A satisfação dos nossos clientes é ponto de honra para a nossa instituição e por isso trabalhamos para atendê-los da melhor forma possível através dos nossos canais digitais e presenciais. Na condição de único banco público estadual em todo o Nordeste, temos consciência do importante papel que desempenhamos em benefício da população e do desenvolvimento econômico e social do nosso Estado", disse o presidente.

As agências do Bane- se estão cumprindo  os parâmetros estabelecidos em lei para atendimento ao consumidor. A informação é da Defensoria Pública do Estado de Sergipe, que, em meados deste mês, realizou uma inspeção e constatou que os serviços de atendimento nas agências do banco estão funcionando conforme os padrões de qualidade previstos em lei.
A inspeção nas agências do Banese foi realizada pelo Núcleo Especializado de Defesa do Consumidor da Defensoria Pública estadual, em parceria com o Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Aracaju). Conforme reportagem sobre a diligência, publicada na seção de Notícias do site da Defensoria (https://www.defensoria. se.def.br/), o defensor público Rodrigo Cavalcante ficou satisfeito com a inspeção.
 "Fizemos estas inspeções para verificar se o Banese está cumprindo os parâmetros estabelecidos em lei para atendimento ao consumidor e, nas agências inspecionadas, verificamos que as exigências estão sendo cumpridas a contento. Vale a pena ressaltar que o objetivo da Defensoria Pública e do Procon é que as leis de proteção ao consumidor sejam respeitadas e ficamos satisfeitos em ver que o banco vem se adequando às leis", afirmou Cavalcante.
Ainda segundo a reportagem, o diretor do Procon Aracaju, Igor Lopes, também se manifestou sobre a diligência nas agências do Banese. "Fizemos o checklist e nada foi encontrado de anormal. O trabalho continua e vale ressaltar que periodicamente o Procon está fiscalizando esse segmento do mercado (bancos). O consumidor que se sentir lesado deve procurar os órgãos de proteção para que possamos adotar as medidas cabíveis", disse Lopes.

Repercussão -
O resultado da fiscalização foi bem recebido pelo presidente do Banese, Fernando Mota. "O Banese, nos últimos anos, vem promovendo mudanças estruturais e de pessoal nas suas agências, para que elas funcionem dentro da normalidade. A satisfação dos nossos clientes é ponto de honra para a nossa instituição e por isso trabalhamos para atendê-los da melhor forma possível através dos nossos canais digitais e presenciais. Na condição de único banco público estadual em todo o Nordeste, temos consciência do importante papel que desempenhamos em benefício da população e do desenvolvimento econômico e social do nosso Estado", disse o presidente.