Criança atingida por raio continua em estado grave

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 26/03/2019 às 22:52:00

 

Milton Alves Júnior
Segue em estado deli-
cado o quadro clíni-
co da menina de sete anos que foi atingida por um raio na tarde do último domingo, 24, no município de Itabaianinha, região Sul de Sergipe. De acordo com o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), a criança permanece internado na Ala Vermelha do setor de queimaduras onde é acompanhada em horário integral por equipes especializadas. Conforme o JORNAL DO DIA mostrou na edição de ontem, a criança chegou a unidade hospitalar com queimaduras de segundo grau na região do tórax e vítima de parada cardiorrespiratória. Os primeiros socorros foram realizados pelos familiares, profissionais do Hospital Regional de Itabaianinha e por servidores do Samu.
No boletim médico apresentado na manhã de ontem pelo maior hospital público do estado, constava que a menina seguia sedada e entubada, sem nenhum registro de intercorrência nas 24 horas entre o primeiro e o segundo boletim oficial. A equipe médica não informou quais os procedimentos devem ser adotados nas próximas horas; informou apenas que a criança segue internada por tempo indeterminado e recebendo todo o acolhimento que o quadro clínico requer. A garantia de cuidados redobrados para a menina também foi apresentada pela superintendente do Huse, Darcy Tavares.
 "Compreendemos a mobilização e torcida em torno desse caso, mas o que podemos garantir neste momento é que o hospital não está economizando esforços para a melhoria gradativa da paciente. Os profissionais do setor de pediatria estão a cada instante acompanhando passo a passo das ações já realizadas até o momento para que no próximo boletim médico possamos apresentar uma melhoria real do Estado de saúde desta criança", disse. O novo relatório médico deve ser apresentado inicialmente aos familiares, e em seguida aos meios de comunicação, ainda na manhã de hoje.

Milton Alves Júnior

Segue em estado deli- cado o quadro clíni- co da menina de sete anos que foi atingida por um raio na tarde do último domingo, 24, no município de Itabaianinha, região Sul de Sergipe. De acordo com o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), a criança permanece internado na Ala Vermelha do setor de queimaduras onde é acompanhada em horário integral por equipes especializadas. Conforme o JORNAL DO DIA mostrou na edição de ontem, a criança chegou a unidade hospitalar com queimaduras de segundo grau na região do tórax e vítima de parada cardiorrespiratória. Os primeiros socorros foram realizados pelos familiares, profissionais do Hospital Regional de Itabaianinha e por servidores do Samu.
No boletim médico apresentado na manhã de ontem pelo maior hospital público do estado, constava que a menina seguia sedada e entubada, sem nenhum registro de intercorrência nas 24 horas entre o primeiro e o segundo boletim oficial. A equipe médica não informou quais os procedimentos devem ser adotados nas próximas horas; informou apenas que a criança segue internada por tempo indeterminado e recebendo todo o acolhimento que o quadro clínico requer. A garantia de cuidados redobrados para a menina também foi apresentada pela superintendente do Huse, Darcy Tavares.
 "Compreendemos a mobilização e torcida em torno desse caso, mas o que podemos garantir neste momento é que o hospital não está economizando esforços para a melhoria gradativa da paciente. Os profissionais do setor de pediatria estão a cada instante acompanhando passo a passo das ações já realizadas até o momento para que no próximo boletim médico possamos apresentar uma melhoria real do Estado de saúde desta criança", disse. O novo relatório médico deve ser apresentado inicialmente aos familiares, e em seguida aos meios de comunicação, ainda na manhã de hoje.