Betinho começa a preparar o Sergipe para sábado

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 06/05/2019 às 22:47:00

 

Para o treinador Betinho, a goleada contra o Coruripe é coisa do passado. O treinador alerta que foi apenas uma vitória, marcante com certeza, mas o caminho até alcançar os objetivos ainda é muito longo. Sábado, o Sergipe recebe a visita do Fluminense de Feira e o objetivo é conquistar mais uma vitória. 
Nessa partida o Sergipe não contará com o atacante Cleber, expulso em Coruripe e o lateral Matheus passa por um sério tratamento médico para se recuperar. Matheus deixou o campo sábado, ainda no primeiro tempo. Betinho terá uma semana para trabalhar a equipe e escolher os substitutos.
Mesmo com o grande jogo, o técnico Betinho preferiu conter o sentimento de euforia e disse que ainda há muito o que se fazer. Ao ser questionado se já se pode ser vista a identidade dele no time, falou:
- Ainda é cedo para falar isso. Estamos no início de um trabalho e temos objetivos muito grandes, de realmente poder levar o Sergipe a um acesso. Para isso, vamos precisar trabalhar bastante, jogar muito. Claro que ficamos muito felizes com o resultado, de ver a personalidade que o time demonstrou em campo, da forma como jogou, de como estava entrosado. Foi realmente muito positivo. Mas temos muito o que progredir. Teremos uma semana livre de trabalho para continuar buscando esse progresso e corrigir alguns erros que observamos - disse Betinho.

Para o treinador Betinho, a goleada contra o Coruripe é coisa do passado. O treinador alerta que foi apenas uma vitória, marcante com certeza, mas o caminho até alcançar os objetivos ainda é muito longo. Sábado, o Sergipe recebe a visita do Fluminense de Feira e o objetivo é conquistar mais uma vitória. 
Nessa partida o Sergipe não contará com o atacante Cleber, expulso em Coruripe e o lateral Matheus passa por um sério tratamento médico para se recuperar. Matheus deixou o campo sábado, ainda no primeiro tempo. Betinho terá uma semana para trabalhar a equipe e escolher os substitutos.
Mesmo com o grande jogo, o técnico Betinho preferiu conter o sentimento de euforia e disse que ainda há muito o que se fazer. Ao ser questionado se já se pode ser vista a identidade dele no time, falou:
- Ainda é cedo para falar isso. Estamos no início de um trabalho e temos objetivos muito grandes, de realmente poder levar o Sergipe a um acesso. Para isso, vamos precisar trabalhar bastante, jogar muito. Claro que ficamos muito felizes com o resultado, de ver a personalidade que o time demonstrou em campo, da forma como jogou, de como estava entrosado. Foi realmente muito positivo. Mas temos muito o que progredir. Teremos uma semana livre de trabalho para continuar buscando esse progresso e corrigir alguns erros que observamos - disse Betinho.