Três municípios conquistam o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Campo do Brito, Itabaianinha e Umbaúba foram os grandes vencedores desta edição
Campo do Brito, Itabaianinha e Umbaúba foram os grandes vencedores desta edição

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 06/05/2019 às 23:24:00

 

Três municípios sergi
panos conquistaram 
nesta segunda-feira o X Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor. Os gestores de Campo do Brito, Itabaianinha e Umbaúba se destacaram pela elaboração de políticas públicas que favorecem o desenvolvimento das micro e pequenas empresas, microempreendedores individuais e produtores rurais e foram os grandes vencedores desta edição.
O Prêmio é realizado desde 2001 e busca reconhecer prefeitos que implantaram projetos com resultados comprovados de estímulo ao surgimento e ao fortalecimento dos pequenos negócios, com base na Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, contribuindo de forma efetiva para o desenvolvimento econômico, ambiental e social dos seus municípios.
Na etapa estadual o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor é dividido em oito categorias: políticas públicas para o desenvolvimento dos pequenos negócios; cooperação intermunicipal para o desenvolvimento econômico; compras governamentais de pequenos negócios; pequenos negócios no campo; inovação e sustentabilidade; empreendedorismo nas escolas; desburocratização e implementação da Redesimples; inclusão produtiva e apoio ao microempreendedor individual (MEI). Destas, apenas a categoria Empreendedorismo nas escolas não registrou inscrições.
Os projetos têm como foco pequenos negócios formais ou em processo de formalização, individuais ou organizados em consórcios e associações, podendo ser de qualquer setor e localizados em áreas urbanas e rurais. Este ano foram inscritas 26 propostas, das quais 15 foram selecionadas para a visita técnica e julgamento final.
Projetos - Em Campo do Brito, o projeto vencedor teve como foco o estímulo aos produtores rurais. Em Itabaianinha, o destaque foi para a elaboração de projetos de lei que contribuem para desenvolvimento dos pequenos negócios.  Já em Umbaúba o reconhecimento veio por conta do projeto de inovação e sustentabilidade promovido junto aos produtores rurais. As três cidades conquistaram a maior pontuação entre todos os inscritos.
" Nos municípios, sobretudo os menores, o apoio aos pequenos empreendimentos traz grandes resultados. Quando assumi a prefeitura fiz questão de convidar representantes das entidades de classe e produtores rurais para juntos discutirmos a criação de projetos que ajudassem a garantir o desenvolvimento da nossa cidade. Esse prêmio é, portanto, o resultado desse trabalho", destaca o prefeito de Campo do Brito, Marcell Souza.
Além dos três municípios, também foram reconhecidas as ações promovidas por mais quatro prefeituras. Na cidade de Nossa Senhora das Dores o destaque foi para o projeto de compras governamentais, enquanto que em Amparo do São Francisco foram valorizadas as políticas de cooperação intermunicipal para o desenvolvimento econômico.
Em Tobias Barreto, por sua vez, o destaque ficou para as ações de desburocratização e implementação da RedeSimples. Já em Cristinápolis foi valorizado o trabalho de inclusão produtiva e apoio ao MEI. Os prefeitos das sete cidades terão o direito de representar o estado na etapa nacional do Prêmio, que será realizada no dia 5 de junho, em Brasília.
" Quando um gestor cria políticas que favorecem os pequenos negócios, toda a população da cidade é beneficiada. Isso porque a renda passa a circular dentro do próprio município, criando um círculo virtuoso que estimula a geração de novos negócios e a geração de empregos. O nosso papel é conscientizar os prefeitos sobre a importância dessas ações e ao promovermos esse prêmio estamos valorizando o trabalho que está sendo promovido nessas regiões", explica o superintendente do Sebrae em Sergipe, Paulo do Eirado.

Três municípios sergi panos conquistaram  nesta segunda-feira o X Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor. Os gestores de Campo do Brito, Itabaianinha e Umbaúba se destacaram pela elaboração de políticas públicas que favorecem o desenvolvimento das micro e pequenas empresas, microempreendedores individuais e produtores rurais e foram os grandes vencedores desta edição.
O Prêmio é realizado desde 2001 e busca reconhecer prefeitos que implantaram projetos com resultados comprovados de estímulo ao surgimento e ao fortalecimento dos pequenos negócios, com base na Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, contribuindo de forma efetiva para o desenvolvimento econômico, ambiental e social dos seus municípios.
Na etapa estadual o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor é dividido em oito categorias: políticas públicas para o desenvolvimento dos pequenos negócios; cooperação intermunicipal para o desenvolvimento econômico; compras governamentais de pequenos negócios; pequenos negócios no campo; inovação e sustentabilidade; empreendedorismo nas escolas; desburocratização e implementação da Redesimples; inclusão produtiva e apoio ao microempreendedor individual (MEI). Destas, apenas a categoria Empreendedorismo nas escolas não registrou inscrições.
Os projetos têm como foco pequenos negócios formais ou em processo de formalização, individuais ou organizados em consórcios e associações, podendo ser de qualquer setor e localizados em áreas urbanas e rurais. Este ano foram inscritas 26 propostas, das quais 15 foram selecionadas para a visita técnica e julgamento final.

Projetos - Em Campo do Brito, o projeto vencedor teve como foco o estímulo aos produtores rurais. Em Itabaianinha, o destaque foi para a elaboração de projetos de lei que contribuem para desenvolvimento dos pequenos negócios.  Já em Umbaúba o reconhecimento veio por conta do projeto de inovação e sustentabilidade promovido junto aos produtores rurais. As três cidades conquistaram a maior pontuação entre todos os inscritos.
" Nos municípios, sobretudo os menores, o apoio aos pequenos empreendimentos traz grandes resultados. Quando assumi a prefeitura fiz questão de convidar representantes das entidades de classe e produtores rurais para juntos discutirmos a criação de projetos que ajudassem a garantir o desenvolvimento da nossa cidade. Esse prêmio é, portanto, o resultado desse trabalho", destaca o prefeito de Campo do Brito, Marcell Souza.
Além dos três municípios, também foram reconhecidas as ações promovidas por mais quatro prefeituras. Na cidade de Nossa Senhora das Dores o destaque foi para o projeto de compras governamentais, enquanto que em Amparo do São Francisco foram valorizadas as políticas de cooperação intermunicipal para o desenvolvimento econômico.
Em Tobias Barreto, por sua vez, o destaque ficou para as ações de desburocratização e implementação da RedeSimples. Já em Cristinápolis foi valorizado o trabalho de inclusão produtiva e apoio ao MEI. Os prefeitos das sete cidades terão o direito de representar o estado na etapa nacional do Prêmio, que será realizada no dia 5 de junho, em Brasília.
" Quando um gestor cria políticas que favorecem os pequenos negócios, toda a população da cidade é beneficiada. Isso porque a renda passa a circular dentro do próprio município, criando um círculo virtuoso que estimula a geração de novos negócios e a geração de empregos. O nosso papel é conscientizar os prefeitos sobre a importância dessas ações e ao promovermos esse prêmio estamos valorizando o trabalho que está sendo promovido nessas regiões", explica o superintendente do Sebrae em Sergipe, Paulo do Eirado.