Motorista de aplicativo é encontrado morto em barragem

Cidades

 

O motorista Lucas Pasolyne Santos Bezerra, 26 anos, que prestava serviços para um aplicativo de transporte, foi encontrado morto por volta das 11h30 de ontem em um terreno descampado próximo à Barragem Jaime Umbelino de Souza, no povoado Timbó, em São Cristóvão (Grande Aracaju). Segundo a família, ele desapareceu na noite anterior, depois de fazer uma corrida até o Conjunto Jardim, em Nossa Senhora do Socorro, onde iria buscar um cachorro. A vítima estava acompanhada por um amigo, que já prestou depoimento à Polícia Civil. 
O acompanhante relatou que a viagem não estava registrada no aplicativo, mas foi feita a pedido dele. Segundo a versão contada, Lucas e a testemunha passavam pela BR-235, próximo ao destino, quando foram abordados por dois homens armados. O amigo conseguiu escapar da abordagem pulando do carro e se escondendo em um matagal, mas Lucas não teve a mesma sorte e acabou levado pelos bandidos, que entraram no carro e assumiram a direção, seguindo em direção à barragem. 
A testemunha pediu ajuda em um posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que iniciou as buscas e acionou equipes das polícias Militar e Civil. As buscas seguiram por toda a madrugada e terminaram na manhã de ontem, quando policiais militares acharam o corpo no descampado. Lucas estava com os olhos vendados e as mãos e pés amarrados com panos, além de uma faca cravada na altura da nuca. O carro da vítima, um VW Gol de cor escura, foi encontrado em uma área próxima.
O acompanhante prestou depoimento na 1ª Delegacia Metropolitana (1ª DM), mas o caso foi encaminhado para uma das divisões do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que já faz levantamentos de possíveis pistas que identifiquem os autores e as circunstancias do crime. O corpo de Lucas Pasolyne, que também já foi soldado do Exército, será sepultado hoje em Japaratuba (Vale do Cotinguiba). 
Assalto frustrado - Um assalto contra passageiros de um ônibus terminou com a morte de um dos criminosos, por volta das 15h de ontem. O crime aconteceu na Avenida Marechal Rondon, próximo ao Centro Administrativo do bairro Capucho (zona oeste), dentro de um coletivo da linha 032 (Tijuquinha/Desembargador Maynard). Segundo a Polícia Militar, dois homens armados com facas entraram no coletivo e anunciaram o assalto, passando a tomar os pertences dos passageiros. 
No momento em que a dupla se preparava para deixar o coletivo, um dos passageiros sacou um revólver e atirou na cabeça de um dos ladrões, que caiu fora do ônibus e morreu na hora. O segundo bandido conseguiu fugir. De acordo com o major Geovânio Feitosa, do 1º BPM, o suspeito morto era morador do bairro América e já foi preso outras vezes por outros crimes de roubo. Já o passageiro que reagiu ao assalto não foi identificado. 

O motorista Lucas Pasolyne Santos Bezerra, 26 anos, que prestava serviços para um aplicativo de transporte, foi encontrado morto por volta das 11h30 de ontem em um terreno descampado próximo à Barragem Jaime Umbelino de Souza, no povoado Timbó, em São Cristóvão (Grande Aracaju). Segundo a família, ele desapareceu na noite anterior, depois de fazer uma corrida até o Conjunto Jardim, em Nossa Senhora do Socorro, onde iria buscar um cachorro. A vítima estava acompanhada por um amigo, que já prestou depoimento à Polícia Civil. 
O acompanhante relatou que a viagem não estava registrada no aplicativo, mas foi feita a pedido dele. Segundo a versão contada, Lucas e a testemunha passavam pela BR-235, próximo ao destino, quando foram abordados por dois homens armados. O amigo conseguiu escapar da abordagem pulando do carro e se escondendo em um matagal, mas Lucas não teve a mesma sorte e acabou levado pelos bandidos, que entraram no carro e assumiram a direção, seguindo em direção à barragem. 
A testemunha pediu ajuda em um posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que iniciou as buscas e acionou equipes das polícias Militar e Civil. As buscas seguiram por toda a madrugada e terminaram na manhã de ontem, quando policiais militares acharam o corpo no descampado. Lucas estava com os olhos vendados e as mãos e pés amarrados com panos, além de uma faca cravada na altura da nuca. O carro da vítima, um VW Gol de cor escura, foi encontrado em uma área próxima.
O acompanhante prestou depoimento na 1ª Delegacia Metropolitana (1ª DM), mas o caso foi encaminhado para uma das divisões do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que já faz levantamentos de possíveis pistas que identifiquem os autores e as circunstancias do crime. O corpo de Lucas Pasolyne, que também já foi soldado do Exército, será sepultado hoje em Japaratuba (Vale do Cotinguiba). 

Assalto frustrado - Um assalto contra passageiros de um ônibus terminou com a morte de um dos criminosos, por volta das 15h de ontem. O crime aconteceu na Avenida Marechal Rondon, próximo ao Centro Administrativo do bairro Capucho (zona oeste), dentro de um coletivo da linha 032 (Tijuquinha/Desembargador Maynard). Segundo a Polícia Militar, dois homens armados com facas entraram no coletivo e anunciaram o assalto, passando a tomar os pertences dos passageiros. 
No momento em que a dupla se preparava para deixar o coletivo, um dos passageiros sacou um revólver e atirou na cabeça de um dos ladrões, que caiu fora do ônibus e morreu na hora. O segundo bandido conseguiu fugir. De acordo com o major Geovânio Feitosa, do 1º BPM, o suspeito morto era morador do bairro América e já foi preso outras vezes por outros crimes de roubo. Já o passageiro que reagiu ao assalto não foi identificado. 

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS