Mulher é presa com mais de 66 mil pinos para cocaína

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Drogas e objetos apreendidos
Drogas e objetos apreendidos

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 07/06/2019 às 23:10:00

 

Policiais civis da Delegacia Regional de Estância (Sul) prenderam em flagrante delito, na manhã de ontem, Selma dos Santos Souza, 40 anos, no conjunto Marcos Freire II, em Nossa Senhora do Socorro (Grande Aracaju). Com ela, foram encontradas 66 mil pinos para acondicionar cocaína, balança digital, cocaína, um quilo de substância em pó branca utilizada para manipulação e diluição da cocaína, além de aparelhos celulares.
Segundo investigação policial, Selma e o companheiro Ivaldo da Silva Lisboa, conhecido por "Cabelinho", estariam fornecendo cocaína acondicionada em pinos plásticos para traficantes da cidade de Estância procederem a revenda. Houve denúncia anônima informando que grande remessa de drogas seria feita para Estância nos próximos dias, para ser vendida durante as festividades juninas.
A mulher foi encaminhada ao Departamento de Narcóticos da Polícia Civil, onde foi lavrado o respectivo flagrante, tendo Selma sido autuada pelos crimes dos arts. 34 e 35 da Lei de drogas. As diligências continuam com a finalidade de identificar outros envolvidos na associação criminosa, bem como realizar a captura de Ivaldo.

Policiais civis da Delegacia Regional de Estância (Sul) prenderam em flagrante delito, na manhã de ontem, Selma dos Santos Souza, 40 anos, no conjunto Marcos Freire II, em Nossa Senhora do Socorro (Grande Aracaju). Com ela, foram encontradas 66 mil pinos para acondicionar cocaína, balança digital, cocaína, um quilo de substância em pó branca utilizada para manipulação e diluição da cocaína, além de aparelhos celulares.
Segundo investigação policial, Selma e o companheiro Ivaldo da Silva Lisboa, conhecido por "Cabelinho", estariam fornecendo cocaína acondicionada em pinos plásticos para traficantes da cidade de Estância procederem a revenda. Houve denúncia anônima informando que grande remessa de drogas seria feita para Estância nos próximos dias, para ser vendida durante as festividades juninas.
A mulher foi encaminhada ao Departamento de Narcóticos da Polícia Civil, onde foi lavrado o respectivo flagrante, tendo Selma sido autuada pelos crimes dos arts. 34 e 35 da Lei de drogas. As diligências continuam com a finalidade de identificar outros envolvidos na associação criminosa, bem como realizar a captura de Ivaldo.