Trabalhadores rurais de Capela recebem cartão e senhas do Programa Mão Amiga Cana

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 18/06/2019 às 23:58:00

 

Nesta terça-feira (18), os trabalhadores do corte da cana residentes em Capela receberam os cartões e novas senhas da edição 2019 do Programa Mão Amiga Cana. Pago em quatro parcelas durante o período de entressafra do cultivo, o programa de transferência de renda é executado pelo governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Inclusão, da Assistência Social e do Trabalho (Seit). Este ano, serão beneficiados 3.844 cortadores de cana de 21 municípios, totalizando quase R$ 3 milhões, oriundos do Fundo de Combate à Pobreza, a serem investidos. Até o final da próxima semana, os trabalhadores rurais dos demais municípios de atividade sulcroalcooleira receberão os cartões e senhas, para que possam fazer o saque da primeira parcela do benefício no próximo dia 30 de junho.
Liderando o ranking de municípios que fizeram inscrições este ano, Capela conta com 985 beneficiários. Para a secretária geral do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e da Agricultura Familiar do município, Deisiane Melo, o programa representa a única fonte de renda para muitos cortadores de cana durante esta época. "A produção de cana é muito grande aqui. Mas, nesta época que não tem colheita, muitos deles - que têm filhos - acabam ficando sem renda. Com o benefício, os trabalhadores conseguem ter um recurso durante o período de entressafra", afirmou.

Nesta terça-feira (18), os trabalhadores do corte da cana residentes em Capela receberam os cartões e novas senhas da edição 2019 do Programa Mão Amiga Cana. Pago em quatro parcelas durante o período de entressafra do cultivo, o programa de transferência de renda é executado pelo governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Inclusão, da Assistência Social e do Trabalho (Seit). Este ano, serão beneficiados 3.844 cortadores de cana de 21 municípios, totalizando quase R$ 3 milhões, oriundos do Fundo de Combate à Pobreza, a serem investidos. Até o final da próxima semana, os trabalhadores rurais dos demais municípios de atividade sulcroalcooleira receberão os cartões e senhas, para que possam fazer o saque da primeira parcela do benefício no próximo dia 30 de junho.
Liderando o ranking de municípios que fizeram inscrições este ano, Capela conta com 985 beneficiários. Para a secretária geral do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e da Agricultura Familiar do município, Deisiane Melo, o programa representa a única fonte de renda para muitos cortadores de cana durante esta época. "A produção de cana é muito grande aqui. Mas, nesta época que não tem colheita, muitos deles - que têm filhos - acabam ficando sem renda. Com o benefício, os trabalhadores conseguem ter um recurso durante o período de entressafra", afirmou.