Lagarto poderá reabrir matadouro já no início do segundo semestre deste ano

Geral

 

A prefeita Hilda Ribeiro poderá já no início do segundo semestre deste ano reabrir o matadouro de Lagarto. A informação foi confirmada pela prefeitura do município.
A administração mencionou a reunião que participou nesta quarta-feira com o governador Belivaldo Chagas e outros municípios que estão com seus matadouros fechados para a explanação das atuais situações.
Hilda garantiu que tudo está encaminhando para que o matadouro municipal volte a funcionar. "Até a semana passada conseguimos resolver tudo o que faltava, entre licenças, alvarás, para abrir as portas do matadouro e resolver um dos grandes problemas de Lagarto nos últimos anos", garantiu Hilda.
A prefeitura de Lagarto já iniciou o processo de terceirização do matadouro, passando o gerenciamento para uma empresa e evitando qualquer possibilidade de irregularidades. Hilda confirmou que já houve investimento de quase um milhão de reais no matadouro para sua reabertura.
"Acreditamos que essa modernização trará a qualidade que se espera de um matadouro, com todas as licenças ambientais e sanitárias e toda a segurança alimentar para a população. Hoje em dia esses abatedouros não podem ficar sob a responsabilidade das prefeituras. Terceirizar essa responsabilidade é uma forma de modernização administrativa", finalizou.

A prefeita Hilda Ribeiro poderá já no início do segundo semestre deste ano reabrir o matadouro de Lagarto. A informação foi confirmada pela prefeitura do município.
A administração mencionou a reunião que participou nesta quarta-feira com o governador Belivaldo Chagas e outros municípios que estão com seus matadouros fechados para a explanação das atuais situações.
Hilda garantiu que tudo está encaminhando para que o matadouro municipal volte a funcionar. "Até a semana passada conseguimos resolver tudo o que faltava, entre licenças, alvarás, para abrir as portas do matadouro e resolver um dos grandes problemas de Lagarto nos últimos anos", garantiu Hilda.
A prefeitura de Lagarto já iniciou o processo de terceirização do matadouro, passando o gerenciamento para uma empresa e evitando qualquer possibilidade de irregularidades. Hilda confirmou que já houve investimento de quase um milhão de reais no matadouro para sua reabertura.
"Acreditamos que essa modernização trará a qualidade que se espera de um matadouro, com todas as licenças ambientais e sanitárias e toda a segurança alimentar para a população. Hoje em dia esses abatedouros não podem ficar sob a responsabilidade das prefeituras. Terceirizar essa responsabilidade é uma forma de modernização administrativa", finalizou.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS