Dois morrem e um escapa ao se fingir de morto em Porto da Folha

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 01/07/2019 às 23:17:00

 

A Polícia Civil ainda busca por pistas que levem à identificação dos autores de um duplo assassinato ocorrido neste domingo em uma estrada de terra no povoado Grota do Touro, em Porto da Folha (Sertão). Três homens que andavam pelo local e estavam a caminho de uma chácara foram baleados, mas um deles conseguiu escapar do ataque porque, segundo a polícia, teria se fingido de morto. 
O sobrevivente, identificado como Cláudio Piter Guimarães, foi socorrido por policiais e internado no hospital de Porto da Folha e transferido em seguida ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju, com estado de saúde estável. Ainda de acordo com a polícia, a vítima notificou o caso assim que chegou ao hospital da cidade. Ele contou em depoimento que alguns homens desceram de um veículo de cor prata e efetuaram os disparos.
Os outros dois homens atingidos morreram no local: José Márcio Rodrigues dos Santos, 33, que recebeu um disparo no tórax; José Carlos Alves Mendonça, o 'Doquinha', 37, que foi atingido no rosto. O caso é investigado pela Delegacia de Porto da Folha, que também busca por possíveis testemunhas do crime e também quer esclarecer a motivação do atentado. Qualquer informação pode ser passada através do Disque Denúncia, pelo número 181, a ligação é gratuita e sigilosa.

A Polícia Civil ainda busca por pistas que levem à identificação dos autores de um duplo assassinato ocorrido neste domingo em uma estrada de terra no povoado Grota do Touro, em Porto da Folha (Sertão). Três homens que andavam pelo local e estavam a caminho de uma chácara foram baleados, mas um deles conseguiu escapar do ataque porque, segundo a polícia, teria se fingido de morto. 
O sobrevivente, identificado como Cláudio Piter Guimarães, foi socorrido por policiais e internado no hospital de Porto da Folha e transferido em seguida ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju, com estado de saúde estável. Ainda de acordo com a polícia, a vítima notificou o caso assim que chegou ao hospital da cidade. Ele contou em depoimento que alguns homens desceram de um veículo de cor prata e efetuaram os disparos.
Os outros dois homens atingidos morreram no local: José Márcio Rodrigues dos Santos, 33, que recebeu um disparo no tórax; José Carlos Alves Mendonça, o 'Doquinha', 37, que foi atingido no rosto. O caso é investigado pela Delegacia de Porto da Folha, que também busca por possíveis testemunhas do crime e também quer esclarecer a motivação do atentado. Qualquer informação pode ser passada através do Disque Denúncia, pelo número 181, a ligação é gratuita e sigilosa.