Homenagens no dia Nacional do Futebol

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 19/07/2019 às 22:22:00

 

O presidente da Federação Sergipana de Futebol (FSF), Milton Dantas, participou nesta sexta-feira (19) em Brasília das festividades alusivas ao Dia Nacional do Futebol. Milton Dantas participou de uma   participar de reunião com o presidente da República, Jair Bolsonaro.
A Confederação Brasileira de Futebol teve o trabalho desenvolvido ao longo dos últimos anos reconhecido no discurso de Bolsonaro. A conquista da Copa América 2019 pela Seleção Masculina Principal e o desempenho da Seleção Feminina Principal na Copa do Mundo 2019 também foram exaltados.
- É um dia histórico e simbólico. É a primeira vez, nesta dimensão, que o Governo, como um todo, através do próprio Presidente e seus Ministros e Secretários ligados ao esporte, fez uma homenagem aos ídolos do passado das nossas Seleções vencedoras, mas também homenageia instituições que comandam o futebol brasileiro, particularmente a CBF -  declarou Walter Feldman.
A cerimônia foi conduzida pelo Secretário Nacional de Futebol e Defesa dos Direitos do Torcedor, Ronaldo Lima. Além dele, sentaram à mesa central o Presidente Jair Bolsonaro, Walter Feldman, o Ministro da Cidadania, Osmar Terra, o Ministro substituto da Mulher, Família e Direitos Humanos, Sergio Carraza, o Secretário Especial de Esporte, Décio Brasil, e o bicampeão mundial com a Seleção Brasileira em 1958 e 1962, Pepe.
- O esporte é importante porque nós temos de ter um corpo são para ter uma mente sã. No que for possível, é a ideia do Ministro Osmar (Terra), voltar com o esporte nas escolas. Eu mesmo desenvolvi o esporte lá em Eldorado Paulista (SP), no grupo e depois no Ginásio, e o esporte tira, evita e previne a questão das drogas e é muito importante - destacou o Presidente Bolsonaro.

O presidente da Federação Sergipana de Futebol (FSF), Milton Dantas, participou nesta sexta-feira (19) em Brasília das festividades alusivas ao Dia Nacional do Futebol. Milton Dantas participou de uma participar de reunião com o presidente da República, Jair Bolsonaro.
A Confederação Brasileira de Futebol teve o trabalho desenvolvido ao longo dos últimos anos reconhecido no discurso de Bolsonaro. A conquista da Copa América 2019 pela Seleção Masculina Principal e o desempenho da Seleção Feminina Principal na Copa do Mundo 2019 também foram exaltados.
- É um dia histórico e simbólico. É a primeira vez, nesta dimensão, que o Governo, como um todo, através do próprio Presidente e seus Ministros e Secretários ligados ao esporte, fez uma homenagem aos ídolos do passado das nossas Seleções vencedoras, mas também homenageia instituições que comandam o futebol brasileiro, particularmente a CBF -  declarou Walter Feldman.
A cerimônia foi conduzida pelo Secretário Nacional de Futebol e Defesa dos Direitos do Torcedor, Ronaldo Lima. Além dele, sentaram à mesa central o Presidente Jair Bolsonaro, Walter Feldman, o Ministro da Cidadania, Osmar Terra, o Ministro substituto da Mulher, Família e Direitos Humanos, Sergio Carraza, o Secretário Especial de Esporte, Décio Brasil, e o bicampeão mundial com a Seleção Brasileira em 1958 e 1962, Pepe.
- O esporte é importante porque nós temos de ter um corpo são para ter uma mente sã. No que for possível, é a ideia do Ministro Osmar (Terra), voltar com o esporte nas escolas. Eu mesmo desenvolvi o esporte lá em Eldorado Paulista (SP), no grupo e depois no Ginásio, e o esporte tira, evita e previne a questão das drogas e é muito importante - destacou o Presidente Bolsonaro.