Acusado por homicídio em Brejo Grande é preso em AL

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 25/07/2019 às 00:16:00

 

A Polícia Civil, com o com o apoio operacional da equipe da Coordenadoria da Polícia Civil no Interior (Copci) e da Polícia Militar, prendeu em Piaçabuçu (AL), na madrugada de ontem, Antônio dos Santos Trindade, o "Zé Bimba". Ele é autor de um homicídio cometido no povoado Saramem, no município de Brejo Grande (Baixo São Francisco). Antônio foi preso dentro da própria residência, não oferecendo resistência. 
Segundo as informações apuradas pela polícia, ele era muito temido na região de Piaçabuçu, sendo acusado de vários homicídios em Alagoas, assim como ameaçava e intimidava quem o enfrentasse. O flagranteado confessou o crime, ainda na residência, alegando ter tirado a vida de Alan Silva dos Santos, pelo motivo de que a vítima teria furtado o motor de uma embarcação que lhe pertencia. 
Segundo as informações do delegado Fábio Pereira, Antônio chamou a vítima para ir até ele, na cidade de Brejo Grande. Após ir ao encontro dele, o suspeito desferiu cinco tiros, em seguida, usando uma faca golpeou várias vezes Alan no pescoço, sob olhares de testemunhas, fugindo do local logo em seguida.
A prisão ocorreu no município de Piaçabuçu, contando com o apoio operacional da equipe da Copci, sob o comando do delegado Fábio Pereira, após investigação da Delegacia de Brejo Grande, dirigida pelo delegado José Luiz Accioly, que localizou a residência onde o autor estava morando, situada no povoado Potengy.
Menor detido - Policiais civis da Delegacia de Malhada dos Bois (Baixo São Francisco) cumpriram na manhã de ontem um mandado de internação contra um jovem infrator de 20 anos, autor pela prática de ato infracional correspondente ao crime de homicídio. O caso ocorreu quando o adolescente era ainda menor de idade. 
"O mandado de internação determina o recolhimento por prazo indeterminado, desde que esteja dentro do período máximo de três anos e respeitada a idade máxima de 21 anos, obedecendo ao Estatuto da Criança e do Adolescente. A sentença é definitiva", explicou a delegada Maria Zulnária Soares, responsável pela delegacia. 
O jovem ficará internado por um ano no Centro de Atendimento ao Menor (Cenam). Instituição responsável pela prática de medida socioeducativa no estado de Sergipe, que acolhe adolescentes infratores.

A Polícia Civil, com o com o apoio operacional da equipe da Coordenadoria da Polícia Civil no Interior (Copci) e da Polícia Militar, prendeu em Piaçabuçu (AL), na madrugada de ontem, Antônio dos Santos Trindade, o "Zé Bimba". Ele é autor de um homicídio cometido no povoado Saramem, no município de Brejo Grande (Baixo São Francisco). Antônio foi preso dentro da própria residência, não oferecendo resistência. 
Segundo as informações apuradas pela polícia, ele era muito temido na região de Piaçabuçu, sendo acusado de vários homicídios em Alagoas, assim como ameaçava e intimidava quem o enfrentasse. O flagranteado confessou o crime, ainda na residência, alegando ter tirado a vida de Alan Silva dos Santos, pelo motivo de que a vítima teria furtado o motor de uma embarcação que lhe pertencia. 
Segundo as informações do delegado Fábio Pereira, Antônio chamou a vítima para ir até ele, na cidade de Brejo Grande. Após ir ao encontro dele, o suspeito desferiu cinco tiros, em seguida, usando uma faca golpeou várias vezes Alan no pescoço, sob olhares de testemunhas, fugindo do local logo em seguida.
A prisão ocorreu no município de Piaçabuçu, contando com o apoio operacional da equipe da Copci, sob o comando do delegado Fábio Pereira, após investigação da Delegacia de Brejo Grande, dirigida pelo delegado José Luiz Accioly, que localizou a residência onde o autor estava morando, situada no povoado Potengy.

Menor detido - Policiais civis da Delegacia de Malhada dos Bois (Baixo São Francisco) cumpriram na manhã de ontem um mandado de internação contra um jovem infrator de 20 anos, autor pela prática de ato infracional correspondente ao crime de homicídio. O caso ocorreu quando o adolescente era ainda menor de idade. 
"O mandado de internação determina o recolhimento por prazo indeterminado, desde que esteja dentro do período máximo de três anos e respeitada a idade máxima de 21 anos, obedecendo ao Estatuto da Criança e do Adolescente. A sentença é definitiva", explicou a delegada Maria Zulnária Soares, responsável pela delegacia. 
O jovem ficará internado por um ano no Centro de Atendimento ao Menor (Cenam). Instituição responsável pela prática de medida socioeducativa no estado de Sergipe, que acolhe adolescentes infratores.