Surge um problema de última hora

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O meia Rafael é o problema emergente do Confiança e deve ficar fora do jogo de domingo contra o Santa Cruz
O meia Rafael é o problema emergente do Confiança e deve ficar fora do jogo de domingo contra o Santa Cruz

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 09/08/2019 às 22:35:00

 

Givaldo Batista
givaldobs@yahoo.com.br
Um problema de úl-
tima hora começa a 
preocupar o treinador Daniel Paulista. O meia Rafael Villa foi afastado dos últimos. Não participou do apronto desta sexta-feira (9) Arena Batistão e foi deve desfalcar o Confiança na partida deste domingo, contra o Santa Cruz, pela 16ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. Apesar de o departamento médico do clube não ter confirmado, o próprio jogador acredita que não será liberado. Ele foi diagnosticado com uma lesão de grau 1 na coxa esquerda.
A lesão não é de cura simples. Deve levar alguns dias para ser completamente curada e chega no momento em que Rafael atravessa uma boa fase na equipe. Titular em quase todos os jogos do Confiança no Brasileiro da Série C e peça de destaque do esquema do treinador Daniel Paulista. O Confiança que já não tinha Altemar, perde agora também o meia Rafael.  
- O exame de imagem por que passei acusou uma lesão de grau 1. Estou comparecendo, diariamente, à sala de fisioterapia do clube. Mas, apesar dos esforços envidados pelos profissionais da área e não sentir mais nenhuma dor, acredito que não vai dar para me recuperar a tempo de ser escalado para a partida", prevê o meia.
Daniel Paulista ainda avalia os possíveis substitutos caso Villa seja vetado. As principais alternativas são Flávio, Felipe Lima e Thallyson, mas a dúvida deve prevalecer até instantes antes da importante partida contra o time pernambucano. Outra mudança deve ocorrer na lateral-esquerdo, com Michel Benhami no lugar de Altemar.
Em terceiro lugar do Grupo A, com 24 pontos, o Confiança dará um passo importante na briga pela classificação se vencer o Santa. Depois desse duelo, restarão mais dois jogos para o fim da fase de grupos. O primeiro contra o Treze em casa e depois contra o Ferroviário em Fortaleza. O Objetivo da comissão técnica é vencer os dois jogos em casa e sair para encarar o Ferroviário em Fortaleza já classificado.
Nesta sexta-feira Daniel encerrou os trabalhos de campo com um treino apronto na Arena Batistão, palco do jogo de domingo. Depois do a equipe ficou quase definida. O Dragão deve ir a campo com Genivaldo; Thiago Ennes, Vinicius Simon, Anderson e Michel Benhami; Amaral, Everton, Thallyson (Flávio ou Felipe Lima) e Ítalo; Renan Gorne e Marcelinho.

Um problema de úl- tima hora começa a  preocupar o treinador Daniel Paulista. O meia Rafael Villa foi afastado dos últimos. Não participou do apronto desta sexta-feira (9) Arena Batistão e foi deve desfalcar o Confiança na partida deste domingo, contra o Santa Cruz, pela 16ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. Apesar de o departamento médico do clube não ter confirmado, o próprio jogador acredita que não será liberado. Ele foi diagnosticado com uma lesão de grau 1 na coxa esquerda.
A lesão não é de cura simples. Deve levar alguns dias para ser completamente curada e chega no momento em que Rafael atravessa uma boa fase na equipe. Titular em quase todos os jogos do Confiança no Brasileiro da Série C e peça de destaque do esquema do treinador Daniel Paulista. O Confiança que já não tinha Altemar, perde agora também o meia Rafael.  
- O exame de imagem por que passei acusou uma lesão de grau 1. Estou comparecendo, diariamente, à sala de fisioterapia do clube. Mas, apesar dos esforços envidados pelos profissionais da área e não sentir mais nenhuma dor, acredito que não vai dar para me recuperar a tempo de ser escalado para a partida", prevê o meia.
Daniel Paulista ainda avalia os possíveis substitutos caso Villa seja vetado. As principais alternativas são Flávio, Felipe Lima e Thallyson, mas a dúvida deve prevalecer até instantes antes da importante partida contra o time pernambucano. Outra mudança deve ocorrer na lateral-esquerdo, com Michel Benhami no lugar de Altemar.
Em terceiro lugar do Grupo A, com 24 pontos, o Confiança dará um passo importante na briga pela classificação se vencer o Santa. Depois desse duelo, restarão mais dois jogos para o fim da fase de grupos. O primeiro contra o Treze em casa e depois contra o Ferroviário em Fortaleza. O Objetivo da comissão técnica é vencer os dois jogos em casa e sair para encarar o Ferroviário em Fortaleza já classificado.
Nesta sexta-feira Daniel encerrou os trabalhos de campo com um treino apronto na Arena Batistão, palco do jogo de domingo. Depois do a equipe ficou quase definida. O Dragão deve ir a campo com Genivaldo; Thiago Ennes, Vinicius Simon, Anderson e Michel Benhami; Amaral, Everton, Thallyson (Flávio ou Felipe Lima) e Ítalo; Renan Gorne e Marcelinho.