Dupla de adolescentes atira em vigilante de escola

Cidades

 

Dois supostos adolescentes com idade presumida de 15 anos tentaram assaltar e matar o vigilante da Escola Municipal Adelina Maria, no centro de Lagarto (Centro-Sul). O crime aconteceu por volta das 9h30 de ontem, quando os dois tentaram invadir o anexo da escola. As imagens do circuito de segurança flagraram o momento em que os dois entram na unidade de ensino, portando uma arma e saem em seguida correndo, nem chegando a entrar na escola. 
De acordo com a Polícia Militar um vigilante foi atingido na altura do pescoço. A identidade dele foi mantida em sigilo. O vigilante foi encaminhando para o Hospital Universitário de Lagarto, mas em seguida precisou ser transferido para o Hospital de Urgência de Sergipe, em Aracaju, pela gravidade do caso. Até o fechamento desta edição, ele estava internado na Ala Vermelha. 
A polícia já identificou os adolescentes e fez buscas durante todo o dia para apreender os responsáveis pelo fato. O caso é acompanhado pelo secretário municipal de Educação de Lagarto, Eduardo Maia. Em nota, a Secretaria lamentou o episódio e informou que o caso já está sendo investigado pela polícia, sendo que mais detalhes só poderão ser divulgados pela Secretaria da Segurança Pública (SSP). Diz ainda que "o município está prestando toda a assistência necessária à vítima e à sua família, desejando uma pronta recuperação".

Dois supostos adolescentes com idade presumida de 15 anos tentaram assaltar e matar o vigilante da Escola Municipal Adelina Maria, no centro de Lagarto (Centro-Sul). O crime aconteceu por volta das 9h30 de ontem, quando os dois tentaram invadir o anexo da escola. As imagens do circuito de segurança flagraram o momento em que os dois entram na unidade de ensino, portando uma arma e saem em seguida correndo, nem chegando a entrar na escola. 
De acordo com a Polícia Militar um vigilante foi atingido na altura do pescoço. A identidade dele foi mantida em sigilo. O vigilante foi encaminhando para o Hospital Universitário de Lagarto, mas em seguida precisou ser transferido para o Hospital de Urgência de Sergipe, em Aracaju, pela gravidade do caso. Até o fechamento desta edição, ele estava internado na Ala Vermelha. 
A polícia já identificou os adolescentes e fez buscas durante todo o dia para apreender os responsáveis pelo fato. O caso é acompanhado pelo secretário municipal de Educação de Lagarto, Eduardo Maia. Em nota, a Secretaria lamentou o episódio e informou que o caso já está sendo investigado pela polícia, sendo que mais detalhes só poderão ser divulgados pela Secretaria da Segurança Pública (SSP). Diz ainda que "o município está prestando toda a assistência necessária à vítima e à sua família, desejando uma pronta recuperação".

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS