Ypiranga-RS é muito forte na defesa

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 28/08/2019 às 23:22:00

 

Vencer o jogo de sába
do (31), para ter tran
quilidade na partida de volta no dia 7 de setembro no estádio Olímpico Colosso da Lagoa, em Erechim-RS. Esse é o grande plano do treinador Daniel Paulista. Mas ele sabe que terá dificuldades, mesmo na partida em Aracaju porque o time adversário é muito forte na defesa e com certeza vem a Aracaju disposto a não perder e levar a decisão para o jogo de volta em Erechim-RS. O ideal para o Dragão é deixar Aracaju com uma vitória e se possível com um bom placar. 
Essa será a terceira vez depois de implantação do sistema de mata-mata, que o Confiança chega às quartas de final do Brasileiro da Série C. Em 2015 foi contra o Londrina. Empatou em Aracaju e perdeu o jogo de volta em Londrina. Em 2017, o adversário foi o São Bento de Sorocaba. Derrota no primeiro jogo em Aracaju e empate em 0x0 no jogo de volta em Sorocaba. Os proletários querem quebrar essa escrita. Para isso, terão que vencer bem o primeiro jogo, pois buscar a classificação na casa do adversário será uma missão muito difícil, ou quase impossível.  
   
Os avantes proletários terão que superar a melhor defesa da competição. De todas as 20 equipes da Série C, o Ypiranga tem a melhor defesa. Nos 18 jogos disputados a equipe recebeu apenas 10 gols, uma média de 0,55 gols por partida.  Além da melhor defesa da Série C, o Canarinho de Erechim é o segundo melhor visitante da competição. Esse desempenho fez o técnico Daniel Paulista reforçar os cuidados para o embate decisivo.
- Ninguém consegue ser primeiro colocado num campeonato de 18 rodadas se não tiver méritos, se não tiver qualidade. Já conversei com os atletas das dificuldades que vamos ter nesses dois jogos. O Ypiranga-RS não foi primeiro colocado à toa. Ninguém consegue ser primeiro colocado num campeonato de 18 rodadas se não tiver méritos, se não tiver qualidade. Então, a nossa equipe vai ter muita dificuldade nesse combate, mas independente do adversário que pudéssemos enfrentar agora, acredito que o Confiança está preparado para fazer um jogo de igual para igual - ressaltou Daniel Paulista.

Vencer o jogo de sába do (31), para ter tran quilidade na partida de volta no dia 7 de setembro no estádio Olímpico Colosso da Lagoa, em Erechim-RS. Esse é o grande plano do treinador Daniel Paulista. Mas ele sabe que terá dificuldades, mesmo na partida em Aracaju porque o time adversário é muito forte na defesa e com certeza vem a Aracaju disposto a não perder e levar a decisão para o jogo de volta em Erechim-RS. O ideal para o Dragão é deixar Aracaju com uma vitória e se possível com um bom placar. 
Essa será a terceira vez depois de implantação do sistema de mata-mata, que o Confiança chega às quartas de final do Brasileiro da Série C. Em 2015 foi contra o Londrina. Empatou em Aracaju e perdeu o jogo de volta em Londrina. Em 2017, o adversário foi o São Bento de Sorocaba. Derrota no primeiro jogo em Aracaju e empate em 0x0 no jogo de volta em Sorocaba. Os proletários querem quebrar essa escrita. Para isso, terão que vencer bem o primeiro jogo, pois buscar a classificação na casa do adversário será uma missão muito difícil, ou quase impossível.     Os avantes proletários terão que superar a melhor defesa da competição. De todas as 20 equipes da Série C, o Ypiranga tem a melhor defesa. Nos 18 jogos disputados a equipe recebeu apenas 10 gols, uma média de 0,55 gols por partida.  Além da melhor defesa da Série C, o Canarinho de Erechim é o segundo melhor visitante da competição. Esse desempenho fez o técnico Daniel Paulista reforçar os cuidados para o embate decisivo.
- Ninguém consegue ser primeiro colocado num campeonato de 18 rodadas se não tiver méritos, se não tiver qualidade. Já conversei com os atletas das dificuldades que vamos ter nesses dois jogos. O Ypiranga-RS não foi primeiro colocado à toa. Ninguém consegue ser primeiro colocado num campeonato de 18 rodadas se não tiver méritos, se não tiver qualidade. Então, a nossa equipe vai ter muita dificuldade nesse combate, mas independente do adversário que pudéssemos enfrentar agora, acredito que o Confiança está preparado para fazer um jogo de igual para igual - ressaltou Daniel Paulista.