Desfile Cívico Municipal celebrou os 20 anos do Dia Internacional da Língua Materna

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O desfile teve a participação de alunos da rede municipal
O desfile teve a participação de alunos da rede municipal

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 03/09/2019 às 08:13:00

 

Abrindo as comemorações dos 197 anos de independência do Brasil, a Prefeitura de Aracaju realizou neste domingo (1º), o tradicional Desfile Cívico Estudantil. Neste ano, o tema foi "Navegando na língua", em celebração à Língua Portuguesa, sua construção histórica e seu uso atual. Cerca de duas mil pessoas participaram do evento, entre elas, alunos de 19 escolas, integrantes do Exército, Marinha, Aeronáutica, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal de Aracaju, Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito e outros órgãos municipais.
O prefeito Edvaldo Nogueira acompanhou com animação o evento."Este é um momento muito importante para a rede pública de Aracaju. O desfile é histórico, uma tradição da nossa cidade e tem grande relevância pois envolve o conjunto dos estudantes para comemorar não só  a Independência, mas também para estimular a nacionalidade, o amor à pátria e a solidariedade", declarou. 
Estendendo-se por toda manhã, alunos de 18 Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emefs) e uma escola da rede particular de ensino apresentaram o resultado de um trabalho desenvolvido durante todo o ano. "A cada ano trazemos um tema para o desfile, fazendo com que este momento se torne uma grande aula pública. Desde janeiro, estamos trabalhando o tema com alunos e professores realizando pesquisas sobre a nossa língua materna e as formas de comunicação mais usuais", ressaltou a secretária da Educação, Maria Cecília Leite.
As apresentações seguiram desde a origem da língua portuguesa, sua chegada ao Brasil e os sotaques existentes no país até as perspectivas na modernidade com as novas mídias, como o Youtube e o WhatsApp. 
O público que acordou cedo para acompanhar a passagem dos cidadãos e ter acesso ao conteúdo histórico ficou satisfeito. "A nossa Língua Portuguesa anda muito desvalorizada e americanizada também, principalmente pelos mais jovens, por isso a escolha deste tema foi tão importante, pois é uma forma de valorizar a língua. A divulgação prévia por parte da Prefeitura também foi muito interessante, pois nos instigou a vir. O Desfile Cívico foi nota 10, tanto a organização quanto a segurança. Na nossa família, Desfile é tradição e nunca deixamos de vir aqui à rua Bahia para celebrar", destaca o consultor de vendas Flávio Silva.
Trabalho conjunto - Para que tudo corresse bem diversos setores da administração municipal somaram esforços. A Secretaria Municipal da Assistência Social,  proporcionou às Pessoas com Deficiência (PCDs) ou com a mobilidade reduzida, o Camarote da Acessibilidade, contando com rampa de acesso, piso emborrachado e banheiros químicos adaptados. Além disso, cerca de 80 usuários da rede de atenção psicossocial do município mostraram o resultado do trabalho desenvolvido em algumas das oficinas em que eles  participam no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV).
Para garantir o bem-estar de todos os participantes e do público durante o evento, a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal da Defesa Social e da Cidadania (Semdec), elaborou esquema estratégico de segurança, operacionalizado pela Guarda Municipal. Mais de 70 guardas integraram o esquema de segurança nos arredores do Desfile, que contou também com o ônibus de videomonitoramento do órgão. Além disso, fizeram parte do desfile.
A Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) designou equipes para um mutirão de limpeza nas principais vias de acesso à rua Bahia. Cerca de 30 agentes fizeram a limpeza e aproximadamente 20 fiscais acompanham a atuação dos ambulantes.
Com um esquema especial, a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito de Aracaju (SMTT) promoveu a fluidez do trânsito e a segurança dos pedestres que circularam nas proximidades do local. Assim, 60 profissionais estiveram estrategicamente posicionados, orientando e bloqueando acessos, que foram liberadas logo após o encerramento do desfile.

Abrindo as comemorações dos 197 anos de independência do Brasil, a Prefeitura de Aracaju realizou neste domingo (1º), o tradicional Desfile Cívico Estudantil. Neste ano, o tema foi "Navegando na língua", em celebração à Língua Portuguesa, sua construção histórica e seu uso atual. Cerca de duas mil pessoas participaram do evento, entre elas, alunos de 19 escolas, integrantes do Exército, Marinha, Aeronáutica, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal de Aracaju, Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito e outros órgãos municipais.
O prefeito Edvaldo Nogueira acompanhou com animação o evento."Este é um momento muito importante para a rede pública de Aracaju. O desfile é histórico, uma tradição da nossa cidade e tem grande relevância pois envolve o conjunto dos estudantes para comemorar não só  a Independência, mas também para estimular a nacionalidade, o amor à pátria e a solidariedade", declarou. 
Estendendo-se por toda manhã, alunos de 18 Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emefs) e uma escola da rede particular de ensino apresentaram o resultado de um trabalho desenvolvido durante todo o ano. "A cada ano trazemos um tema para o desfile, fazendo com que este momento se torne uma grande aula pública. Desde janeiro, estamos trabalhando o tema com alunos e professores realizando pesquisas sobre a nossa língua materna e as formas de comunicação mais usuais", ressaltou a secretária da Educação, Maria Cecília Leite.
As apresentações seguiram desde a origem da língua portuguesa, sua chegada ao Brasil e os sotaques existentes no país até as perspectivas na modernidade com as novas mídias, como o Youtube e o WhatsApp. 
O público que acordou cedo para acompanhar a passagem dos cidadãos e ter acesso ao conteúdo histórico ficou satisfeito. "A nossa Língua Portuguesa anda muito desvalorizada e americanizada também, principalmente pelos mais jovens, por isso a escolha deste tema foi tão importante, pois é uma forma de valorizar a língua. A divulgação prévia por parte da Prefeitura também foi muito interessante, pois nos instigou a vir. O Desfile Cívico foi nota 10, tanto a organização quanto a segurança. Na nossa família, Desfile é tradição e nunca deixamos de vir aqui à rua Bahia para celebrar", destaca o consultor de vendas Flávio Silva.

Trabalho conjunto - Para que tudo corresse bem diversos setores da administração municipal somaram esforços. A Secretaria Municipal da Assistência Social,  proporcionou às Pessoas com Deficiência (PCDs) ou com a mobilidade reduzida, o Camarote da Acessibilidade, contando com rampa de acesso, piso emborrachado e banheiros químicos adaptados. Além disso, cerca de 80 usuários da rede de atenção psicossocial do município mostraram o resultado do trabalho desenvolvido em algumas das oficinas em que eles  participam no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV).
Para garantir o bem-estar de todos os participantes e do público durante o evento, a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal da Defesa Social e da Cidadania (Semdec), elaborou esquema estratégico de segurança, operacionalizado pela Guarda Municipal. Mais de 70 guardas integraram o esquema de segurança nos arredores do Desfile, que contou também com o ônibus de videomonitoramento do órgão. Além disso, fizeram parte do desfile.
A Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) designou equipes para um mutirão de limpeza nas principais vias de acesso à rua Bahia. Cerca de 30 agentes fizeram a limpeza e aproximadamente 20 fiscais acompanham a atuação dos ambulantes.
Com um esquema especial, a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito de Aracaju (SMTT) promoveu a fluidez do trânsito e a segurança dos pedestres que circularam nas proximidades do local. Assim, 60 profissionais estiveram estrategicamente posicionados, orientando e bloqueando acessos, que foram liberadas logo após o encerramento do desfile.