Edvaldo inspeciona obras em execução na capital ao lado de 50 lideranças comunitárias

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O prefeito Edvaldo Nogueira mostra obras a lideranças comunitárias
O prefeito Edvaldo Nogueira mostra obras a lideranças comunitárias

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 06/09/2019 às 21:53:00

 

O prefeito Edvaldo No
gueira visitou, na ma
nhã desta sexta-feira, 6, várias obras que a atual gestão está realizando em Aracaju. Acompanhado de 50 lideranças comunitárias, ele esteve na avenida Euclides Figueiredo, nos bairros Bugio, Japãozinho, Aeroporto, Santa Maria, 17 de Março e Atalaia. Em todas estas localidades, a Prefeitura realiza grandes ações de infraestrutura, como a construção de novas avenidas, drenagem e pavimentação de mais de 150 ruas, ergue um centro de esporte e corrige problemas históricos da cidade.
"Sempre adotei na minha vida um conselho do meu avô: o olho do dono é quem engorda o gado. Ou seja, somente com o responsável de olho é que problemas podem ser evitados. Levo isso para meu dia-a-dia e gosto de fiscalizar as obras que estão em andamento na cidade. Hoje, estou ainda mais feliz porque consegui trazer comigo 50 fiscais que tenho certeza que me auxiliarão, a partir de agora, neste trabalho, averiguando o andamento de todas as obras que estão sendo realizadas, de Norte a Sul", afirmou o prefeito Edvaldo Nogueira.
O primeiro ponto a ser visitado pela comitiva foi o Centro de Iniciação ao Esporte do Bugio. Lá, Edvaldo pôde mostrar como anda o projeto, cujo investimento soma R$ 4,8 milhões, executado através de um convênio com o Governo Federal. Durante a inspeção, o gestor destacou os diversos equipamentos de esporte e lazer  que ocuparão os 7 mil metros quadrados de área.
De lá, prefeito e lideranças comunitárias foram conferir a obra de infraestrutura da avenida Euclides Figueiredo, zona Norte, onde estão sendo empregados R$7,6 milhões. O projeto encontra-se na fase de implantação do sistema de micro e macrodrenagem, e cumpre rigorosamente o cronograma estabelecido. "Pudemos comprovar que a grande tubulação instalada resolverá definitivamente o problema da Euclides Figueiredo. É uma obra gigantesca, complexa, mas que está sendo bem feita, atendendo a todos os critérios e normas técnicas. A conclusão desta obra será a redenção dessa área", salientou Edvaldo, ao parabenizar as equipes que trabalhavam no local.
Ainda na zona Norte, a comitiva constatou o andamento das obras estruturantes do Japãozinho, para onde estão sendo destinados quase R$ 17 milhões, conveniados com o Governo Federal. O projeto inclui terraplanagem, drenagem pluvial, esgotamento sanitário, pavimentação asfáltica, ciclovias e a construção de uma avenida, com quase 1km de extensão, e que corta o bairro no sentido Norte/Sul, da Euclides Figueiredo até a rua Santa Terezinha, já no bairro Cidade Nova.
Da zona Norte, Edvaldo e lideranças seguiram para a zona Sul onde inspecionaram a obra de infraestrutura do canal Beira Mar, cuja execução já alcançou mais de 80% e que beneficia, diretamente, os bairros Aeroporto, Atalaia e zona de Expansão. Além de construir um canal com 400 metros, interligado ao sistema de drenagem dos conjuntos residenciais e da avenida Hildete Falcão, uma nova avenida, ligando os bairros Atalaia e Aeroporto, foi feita modificando por completo a localidade que sofria com alagamentos e falta de estrutura. Com valor aproximado de R$ 9 milhões, a obra caminha para a etapa de finalização e acabamento. "É mais uma obra que eu disse que ia fazer e muitos duvidavam. Está aí a prova", comemorou Edvaldo ao visitar o local.
Eles foram ainda ao bairro Santa Maria e lá averiguaram o bom andamento das intervenções estruturantes que contemplam mais de 34 ruas com infraestrutura completa. A visita foi finalizada no bairro 17 de Março, com a inspeção da obra da maternidade, que soma um investimento de cerca de R$ 17 milhões e, quando concluída, beneficiará os moradores dos bairros Santa Maria, São Conrado, Atalaia, Coroa do Meio, Aeroporto, Farolândia e toda a zona de Expansão.

O prefeito Edvaldo No gueira visitou, na ma nhã desta sexta-feira, 6, várias obras que a atual gestão está realizando em Aracaju. Acompanhado de 50 lideranças comunitárias, ele esteve na avenida Euclides Figueiredo, nos bairros Bugio, Japãozinho, Aeroporto, Santa Maria, 17 de Março e Atalaia. Em todas estas localidades, a Prefeitura realiza grandes ações de infraestrutura, como a construção de novas avenidas, drenagem e pavimentação de mais de 150 ruas, ergue um centro de esporte e corrige problemas históricos da cidade.
"Sempre adotei na minha vida um conselho do meu avô: o olho do dono é quem engorda o gado. Ou seja, somente com o responsável de olho é que problemas podem ser evitados. Levo isso para meu dia-a-dia e gosto de fiscalizar as obras que estão em andamento na cidade. Hoje, estou ainda mais feliz porque consegui trazer comigo 50 fiscais que tenho certeza que me auxiliarão, a partir de agora, neste trabalho, averiguando o andamento de todas as obras que estão sendo realizadas, de Norte a Sul", afirmou o prefeito Edvaldo Nogueira.
O primeiro ponto a ser visitado pela comitiva foi o Centro de Iniciação ao Esporte do Bugio. Lá, Edvaldo pôde mostrar como anda o projeto, cujo investimento soma R$ 4,8 milhões, executado através de um convênio com o Governo Federal. Durante a inspeção, o gestor destacou os diversos equipamentos de esporte e lazer  que ocuparão os 7 mil metros quadrados de área.
De lá, prefeito e lideranças comunitárias foram conferir a obra de infraestrutura da avenida Euclides Figueiredo, zona Norte, onde estão sendo empregados R$7,6 milhões. O projeto encontra-se na fase de implantação do sistema de micro e macrodrenagem, e cumpre rigorosamente o cronograma estabelecido. "Pudemos comprovar que a grande tubulação instalada resolverá definitivamente o problema da Euclides Figueiredo. É uma obra gigantesca, complexa, mas que está sendo bem feita, atendendo a todos os critérios e normas técnicas. A conclusão desta obra será a redenção dessa área", salientou Edvaldo, ao parabenizar as equipes que trabalhavam no local.
Ainda na zona Norte, a comitiva constatou o andamento das obras estruturantes do Japãozinho, para onde estão sendo destinados quase R$ 17 milhões, conveniados com o Governo Federal. O projeto inclui terraplanagem, drenagem pluvial, esgotamento sanitário, pavimentação asfáltica, ciclovias e a construção de uma avenida, com quase 1km de extensão, e que corta o bairro no sentido Norte/Sul, da Euclides Figueiredo até a rua Santa Terezinha, já no bairro Cidade Nova.
Da zona Norte, Edvaldo e lideranças seguiram para a zona Sul onde inspecionaram a obra de infraestrutura do canal Beira Mar, cuja execução já alcançou mais de 80% e que beneficia, diretamente, os bairros Aeroporto, Atalaia e zona de Expansão. Além de construir um canal com 400 metros, interligado ao sistema de drenagem dos conjuntos residenciais e da avenida Hildete Falcão, uma nova avenida, ligando os bairros Atalaia e Aeroporto, foi feita modificando por completo a localidade que sofria com alagamentos e falta de estrutura. Com valor aproximado de R$ 9 milhões, a obra caminha para a etapa de finalização e acabamento. "É mais uma obra que eu disse que ia fazer e muitos duvidavam. Está aí a prova", comemorou Edvaldo ao visitar o local.
Eles foram ainda ao bairro Santa Maria e lá averiguaram o bom andamento das intervenções estruturantes que contemplam mais de 34 ruas com infraestrutura completa. A visita foi finalizada no bairro 17 de Março, com a inspeção da obra da maternidade, que soma um investimento de cerca de R$ 17 milhões e, quando concluída, beneficiará os moradores dos bairros Santa Maria, São Conrado, Atalaia, Coroa do Meio, Aeroporto, Farolândia e toda a zona de Expansão.