Defesa Civil alerta para marés altas em Aracaju

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 27/09/2019 às 05:10:00

 

Buscando se precaver para possíveis transtornos a serem enfrentados até o início da próxima segunda-feira, 30, a Prefeitura de Aracaju - por intermédio da Secretaria Municipal da Defesa Social e da Cidadania (Semdec) - tem chamado a atenção dos aracajuanos para a alta maré que deve atingir todo o litoral da capital sergipana. Com perspectivas de registrar a elevação mais alta deste ano, hoje, por exemplo, a maré deve atingir a casa dos 2.2m; amanhã essa marca sobe para 2.3m; já no domingo, por volta das 4h17, esse nível chega a 2.4m; na segunda-feira a altura cai para 2.3m às 4h58 e 2.4m às 17h19. Caso confirmado, todos esses níveis estarão acima da média.
De acordo com o poder executivo municipal, a proposta é chamar a atenção, sobretudo, daqueles aracajuanos que residem, comercializam ou costumam transitar diariamente pelas proximidades da avenida Anísio Azevedo, próximo à Praça da Imprensa e ao Estádio Governador Lourival Baptista - Arena Batistão. Atém de técnicos da Defesa Civil, a direção da Semdec informou que servidores da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (EMSURB), da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (EMURB), e da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), tambémm seguem monitorando a região a fim de tentar minimizar os contratempos a serem enfrentados pela população historicamente atingida por inundações a cada período de alta da maré.
Se mostrando preocupado com os impactos que o fenômeno possa proporcionar a centenas de famílias, o secretário municipal da Defesa Social e da Cidadania, Luís Fernando Almeida, enalteceu o trabalho integrado entre os órgaos municipais, bem como a aceitação dos aracajuanos para com essa ação preventiva. "Infelizmente nós não temos como evitar que este tipo de fenômeno seja eliminado. Sendo assim, como essa região costuma ser bastante impactada com a elevação da maré, buscamos realizar atividades educacionais, como também a limpeza do sistema de drenagem na tentativa de diminuir os efeitos dessa ação da natureza. Montamos um esquema e acreditamos que surtirá o efeito planejado", declarou o gestor.
Na manhã e tarde de ontem fiscais da Defesa Civil realizavam estudos na avenida Anísio Azevedo e em ruas paralelas, enquanto técnicos da Empresa Municipal de Obras e Urbanização se realizavam limpeza na canal, nos bueiros e nos morros de areia que frequentemente se formam no calçadão da Praia Formosa, 13 de Julho. Por meio de comunicado oficial a direção da Defesa Civil de Aracaju enalteceu que, em caso de vulnerabilidade, pode ser acionada 24h por dia, através do número emergencial 199. Para receber os alertas oficiais do órgão basta enviar uma mensagem por SMS para o número 40199 e inserir no corpo do texto o CEP da localidade. (Milton Alves Júnior)

Buscando se precaver para possíveis transtornos a serem enfrentados até o início da próxima segunda-feira, 30, a Prefeitura de Aracaju - por intermédio da Secretaria Municipal da Defesa Social e da Cidadania (Semdec) - tem chamado a atenção dos aracajuanos para a alta maré que deve atingir todo o litoral da capital sergipana. Com perspectivas de registrar a elevação mais alta deste ano, hoje, por exemplo, a maré deve atingir a casa dos 2.2m; amanhã essa marca sobe para 2.3m; já no domingo, por volta das 4h17, esse nível chega a 2.4m; na segunda-feira a altura cai para 2.3m às 4h58 e 2.4m às 17h19. Caso confirmado, todos esses níveis estarão acima da média.
De acordo com o poder executivo municipal, a proposta é chamar a atenção, sobretudo, daqueles aracajuanos que residem, comercializam ou costumam transitar diariamente pelas proximidades da avenida Anísio Azevedo, próximo à Praça da Imprensa e ao Estádio Governador Lourival Baptista - Arena Batistão. Atém de técnicos da Defesa Civil, a direção da Semdec informou que servidores da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (EMSURB), da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (EMURB), e da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), tambémm seguem monitorando a região a fim de tentar minimizar os contratempos a serem enfrentados pela população historicamente atingida por inundações a cada período de alta da maré.
Se mostrando preocupado com os impactos que o fenômeno possa proporcionar a centenas de famílias, o secretário municipal da Defesa Social e da Cidadania, Luís Fernando Almeida, enalteceu o trabalho integrado entre os órgaos municipais, bem como a aceitação dos aracajuanos para com essa ação preventiva. "Infelizmente nós não temos como evitar que este tipo de fenômeno seja eliminado. Sendo assim, como essa região costuma ser bastante impactada com a elevação da maré, buscamos realizar atividades educacionais, como também a limpeza do sistema de drenagem na tentativa de diminuir os efeitos dessa ação da natureza. Montamos um esquema e acreditamos que surtirá o efeito planejado", declarou o gestor.
Na manhã e tarde de ontem fiscais da Defesa Civil realizavam estudos na avenida Anísio Azevedo e em ruas paralelas, enquanto técnicos da Empresa Municipal de Obras e Urbanização se realizavam limpeza na canal, nos bueiros e nos morros de areia que frequentemente se formam no calçadão da Praia Formosa, 13 de Julho. Por meio de comunicado oficial a direção da Defesa Civil de Aracaju enalteceu que, em caso de vulnerabilidade, pode ser acionada 24h por dia, através do número emergencial 199. Para receber os alertas oficiais do órgão basta enviar uma mensagem por SMS para o número 40199 e inserir no corpo do texto o CEP da localidade. (Milton Alves Júnior)