Adiado o julgamento do recurso do governador Belivaldo Chagas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
AÇÕES SERÃO JULGADAS AGORA NOS DIAS 10  e 15 DE OUTUBRO
AÇÕES SERÃO JULGADAS AGORA NOS DIAS 10 e 15 DE OUTUBRO

O governador Belivaldo Chagas e a vice-governadora Eliane Aquino
O governador Belivaldo Chagas e a vice-governadora Eliane Aquino

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 01/10/2019 às 08:34:00

 

Foi adiado o julgamento dos Embargos de Declaração apresentados pela defesa do governador Belivaldo Chagas (PSD) e da vice-governadora Eliane Aquino (PT). O Tribunal Regional Eleitoral em Sergipe (TRE-SE) marcou a nova data de julgamento: dia 15 de outubro do corrente ano.
O Tribunal havia condenado a chapa, ou seja, o mandato foi cassado por abuso de poder político e econômico nas eleições 2018. Os envolvidos recorreram: interpuseram embargos de declaração. Por seis votos a um, o pleno do TRE-SE, a pedido da Procuradoria Regional Eleitoral de Sergipe, cassou os mandatos e declarou a inelegibilidade de Belivaldo por oito anos na sessão de 19 de agosto passado. Resta o julgamento do recurso.

Foi adiado o julgamento dos Embargos de Declaração apresentados pela defesa do governador Belivaldo Chagas (PSD) e da vice-governadora Eliane Aquino (PT). O Tribunal Regional Eleitoral em Sergipe (TRE-SE) marcou a nova data de julgamento: dia 15 de outubro do corrente ano.
O Tribunal havia condenado a chapa, ou seja, o mandato foi cassado por abuso de poder político e econômico nas eleições 2018. Os envolvidos recorreram: interpuseram embargos de declaração. Por seis votos a um, o pleno do TRE-SE, a pedido da Procuradoria Regional Eleitoral de Sergipe, cassou os mandatos e declarou a inelegibilidade de Belivaldo por oito anos na sessão de 19 de agosto passado. Resta o julgamento do recurso.