TCE capacita servidores por meio da Escola de Contas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 15/01/2013 às 15:49:00

A Escola de Contas Conselheiro José Amado Nascimento (Ecojan) tem o objetivo de promover a capacitação e o desenvolvimento profissional dos funcionários do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE/SE) e dos órgãos jurisdicionados. Para que essa missão seja concretizada, no ano de 2012 a instituição de ensino realizou 22 cursos, sendo 15 destinados ao público externo e outros sete ao interno, sempre com o foco no aperfeiçoamento, formação e especialização dos servidores públicos sergipanos.

Durante o ano que passou, 1075 cidadãos foram capacitados, dos quais 229 servidores do TCE e 846 de órgãos jurisdicionados. Além de buscar atender aos anseios pedagógicos do próprio TCE, a Ecojan também direciona sua atenção às necessidades dos órgãos públicos de Sergipe. Servidores de prefeituras, câmaras, secretarias e fundações de todo o estado são beneficiados com cursos que melhoraram o nível dos serviços prestados à população.

"A Ecojan é aquele braço do Tribunal que estabelece um relacionamento maior entre esta Casa e os seus jurisdicionados. E esse é um papel importante porque cuida da especialização e melhor qualificação não só dos servidores do Tribunal como de todos os jurisdicionados, então espero que este ano se incremente ainda mais esse trabalho", afirma o conselheiro-presidente Carlos Alberto Sobral, ressaltando que uma das novidades para 2013 deverá ser a oferta de um curso de mestrado.

Dirigida pelo conselheiro Ulices Andrade, a Escola de Contas tem a professora Patrícia Verônica Carvalho Sobral como coordenadora pedagógica. Segundo ela, a instituição de ensino tem atingido números expressivos ao realizar atividades preventivas aos erros da administração pública.

"A Escola de Contas exerce, de forma pedagógica, um relevante papel não apenas junto aos servidores, no sentido de aprimorá-los e prepará-los para as demandas sociais que cada dia mais se avolumam, como também para os jurisdicionados no sentido de orientá-los através de cursos que promovem conhecimento e a atualização dos mesmos".