Aracajuanos vão às urnas neste domingo para escolha dos conselheiros tutelares

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 04/10/2019 às 09:34:00

 

Neste domingo (6), todos os eleitores de Aracaju que se encontram em dia com a justiça eleitoral poderão ir às urnas para escolher os novos conselheiros tutelares da cidade. Por meio de voto facultativo, a população irá eleger, ao todo, 30 conselheiros, que atuarão nos seis distritos da capital sergipano com o dever de zelar pela garantia dos direitos das crianças e adolescentes e pela proteção daqueles que tiveram seus direitos violados.  
Por isso, é muito importante que os eleitores estejam atentos ao processo. Assim como o senhor Jorge da Conceição, 64 anos, que já buscou informações sobre como deve proceder. "Eu já sei até em quem eu vou votar. Li que começa às 8h da manhã e já procurei saber também onde vai ser o meu local de votação. É pertinho de casa, vou sair com os meus documentos logo cedo para ter o resto do dia livre", garante o aposentado.
Para o advogado Fagner Andrade essa votação reforça a importância do exercício ativo da cidadania. "É sempre interessante a participação e a escolha popular no setor público. Esse é o espírito da democracia e, por isso, é importante aumentar o engajamento para prevalecer o entendimento de que o melhor conselheiro possível seja eleito", explica.
Eleição - A organização do processo eleitoral é conduzida pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente, em parceria com a Secretaria Municipal da Assistência Social da Prefeitura de Aracaju. Além de contar com o apoio do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe e do Ministério Público Estadual.  
No dia da eleição, o eleitor precisa ter em mãos apenas um documento de identidade com foto, como carteira de identidade, carteira de trabalho, carteira nacional de habilitação ou certificado de reservista.
Também é recomendado ao cidadão, se possível, levar o título de eleitor ou verificar anteriormente qual a zona eleitoral em que vota, de modo que possa se direcionar corretamente ao local de votação.
O processo eleitoral ocorrerá das 8h às 17h. Nas cabines de votação serão afixadas listas com a relação de nomes, apelidos e números dos candidatos ao Conselho Tutelar. 

Neste domingo (6), todos os eleitores de Aracaju que se encontram em dia com a justiça eleitoral poderão ir às urnas para escolher os novos conselheiros tutelares da cidade. Por meio de voto facultativo, a população irá eleger, ao todo, 30 conselheiros, que atuarão nos seis distritos da capital sergipano com o dever de zelar pela garantia dos direitos das crianças e adolescentes e pela proteção daqueles que tiveram seus direitos violados.  
Por isso, é muito importante que os eleitores estejam atentos ao processo. Assim como o senhor Jorge da Conceição, 64 anos, que já buscou informações sobre como deve proceder. "Eu já sei até em quem eu vou votar. Li que começa às 8h da manhã e já procurei saber também onde vai ser o meu local de votação. É pertinho de casa, vou sair com os meus documentos logo cedo para ter o resto do dia livre", garante o aposentado.
Para o advogado Fagner Andrade essa votação reforça a importância do exercício ativo da cidadania. "É sempre interessante a participação e a escolha popular no setor público. Esse é o espírito da democracia e, por isso, é importante aumentar o engajamento para prevalecer o entendimento de que o melhor conselheiro possível seja eleito", explica.

Eleição - A organização do processo eleitoral é conduzida pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente, em parceria com a Secretaria Municipal da Assistência Social da Prefeitura de Aracaju. Além de contar com o apoio do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe e do Ministério Público Estadual.  
No dia da eleição, o eleitor precisa ter em mãos apenas um documento de identidade com foto, como carteira de identidade, carteira de trabalho, carteira nacional de habilitação ou certificado de reservista.
Também é recomendado ao cidadão, se possível, levar o título de eleitor ou verificar anteriormente qual a zona eleitoral em que vota, de modo que possa se direcionar corretamente ao local de votação.
O processo eleitoral ocorrerá das 8h às 17h. Nas cabines de votação serão afixadas listas com a relação de nomes, apelidos e números dos candidatos ao Conselho Tutelar.