Suspeito de tráfico no Marivan morre em confronto a PM

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 09/10/2019 às 21:50:00

 

Equipes do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur) localizaram um homem acusado de vários crimes ocorridos no Marivan, bairro Santa Maria (zona sul), e também na Zona de Expansão. De acordo com a Polícia Militar, ele foi identificado como Gedenilson Caetano Portela, conhecido como "Branco, o Terror do Marivan". No momento da ação policial, ele reagiu à abordagem disparando contra os policiais, foi atingido e morreu. 
Durante policiamento no bairro Aruana, os policiais foram procurados por populares que informaram que havia um homem em uma bicicleta vendendo drogas. Foi feito um acompanhamento do local até a região conhecida como "Prainha", no Santa Maria. Na tentativa de fuga, antes de adentrar em uma residência, o homem disparou contra os policiais. Houve confronto, ele foi atingido e socorrido, mas não resistiu e morreu a caminho do hospital.
De acordo com as informações preliminares das equipes, Caetano era apontado como responsável pelo tráfico de drogas no Marivan e Invasão do Farol, na Farolândia, sendo considerado de alta periculosidade. Com ele, os policiais apreenderam drogas, uma arma de fogo e munições. Em consultas realizadas pela unidade policial, foi constatado que o acusado respondia a processos por tráfico de drogas, roubo e homicídio.

Equipes do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur) localizaram um homem acusado de vários crimes ocorridos no Marivan, bairro Santa Maria (zona sul), e também na Zona de Expansão. De acordo com a Polícia Militar, ele foi identificado como Gedenilson Caetano Portela, conhecido como "Branco, o Terror do Marivan". No momento da ação policial, ele reagiu à abordagem disparando contra os policiais, foi atingido e morreu. 
Durante policiamento no bairro Aruana, os policiais foram procurados por populares que informaram que havia um homem em uma bicicleta vendendo drogas. Foi feito um acompanhamento do local até a região conhecida como "Prainha", no Santa Maria. Na tentativa de fuga, antes de adentrar em uma residência, o homem disparou contra os policiais. Houve confronto, ele foi atingido e socorrido, mas não resistiu e morreu a caminho do hospital.
De acordo com as informações preliminares das equipes, Caetano era apontado como responsável pelo tráfico de drogas no Marivan e Invasão do Farol, na Farolândia, sendo considerado de alta periculosidade. Com ele, os policiais apreenderam drogas, uma arma de fogo e munições. Em consultas realizadas pela unidade policial, foi constatado que o acusado respondia a processos por tráfico de drogas, roubo e homicídio.