Prefeito Edvaldo autoriza recuperação da Orlinha do bairro Industrial

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Observado por vereadores, Edvaldo autoriza início imediato da recuperação da orlinha do Bairro Industrial
Observado por vereadores, Edvaldo autoriza início imediato da recuperação da orlinha do Bairro Industrial

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 17/10/2019 às 00:01:00

 

Um dos principais pontos turísticos de Aracaju, a Orla do bairro Industrial, será completamente recuperado. O prefeito Edvaldo Nogueira autorizou, na manhã desta quarta-feira, o início da obra para revitalização de toda a área, que se deteriorou nos últimos anos pela falta de manutenção na administração passada. Mais um compromisso de Edvaldo com os aracajuanos que se cumpre, o projeto inclui a reconstrução do piso, do parque infantil, do píer, de quiosques, entre outros equipamentos. Serão investidos quase R$2 milhões, provenientes do Programa Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa).
"É uma sensação maravilhosa poder assinar essa ordem de serviço porque, além de ser uma das áreas mais bonitas da cidade, foi aqui que começou o desenvolvimento do nosso estado, com a instalação das fábricas no começo do século 19. Infelizmente, a Orlinha se deteriorou nos quatro anos da gestão anterior, mas nos comprometemos, fomos em busca de recursos e hoje autorizamos as obras de recuperação. Por isso é um dia de bastante significado para mim, porque vamos recuperar toda a área devolvendo a este lugar a beleza que sempre teve", afirmou o prefeito.
Durante seu discurso, Edvaldo lembrou que a última recuperação completa pela qual a Orlinha do bairro Industrial passou foi em 2003, com Marcelo Déda como prefeito e ele vice. Para tanto, o gestor enfatizou que, enquanto esteve à frente da Prefeitura, em outros mandatos, sempre manteve o espaço bem cuidado. "O que infelizmente não aconteceu nos quatro anos da gestão que nos antecedeu. Quando eu e Marcelo Déda realizamos essa obra em 2003, abrimos as portas para novos pontos turísticos em Aracaju. Deixamos esse lugar uma maravilha e as pessoas lembram bem disso. Era um dos locais mais visitados em Aracaju e por isso  sempre cuidei, nas minhas gestões anteriores, com todo o carinho. Passei quatro anos fora da Prefeitura e não me conformava com o abandono sofrido por este local. Então me dediquei a buscar recursos para recuperá-lo e agora vamos fazer uma obra que trará de volta a autoestima a essa região", enfatizou.
Edvaldo destacou ainda que a revitalização da Orlinha, somada à recuperação da avenida Ivo do Prado e a construção do novo terminal do Mercado, prevista dentro do Plano de Mobilidade Urbana, "dão início a uma nova história para o Centro da cidade". "Essa é uma área histórica da nossa capital e que precisa ser preservada. Agora, com a inauguração de um shopping center, ela passa a atrair mais pessoas  e nós precisamos contribuir porque essa movimentação gera emprego e renda. Sabemos a importância que o turismo tem, então todo o trabalho que estamos fazendo nesta região influenciará de maneira positiva. Estamos buscando o título que tivemos por muito tempo, o da capital da qualidade de vida, e todas as ações feitas, desde que voltamos à Prefeitura, nos ajuda nesse sentido", ratificou.

Um dos principais pontos turísticos de Aracaju, a Orla do bairro Industrial, será completamente recuperado. O prefeito Edvaldo Nogueira autorizou, na manhã desta quarta-feira, o início da obra para revitalização de toda a área, que se deteriorou nos últimos anos pela falta de manutenção na administração passada. Mais um compromisso de Edvaldo com os aracajuanos que se cumpre, o projeto inclui a reconstrução do piso, do parque infantil, do píer, de quiosques, entre outros equipamentos. Serão investidos quase R$2 milhões, provenientes do Programa Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa).
"É uma sensação maravilhosa poder assinar essa ordem de serviço porque, além de ser uma das áreas mais bonitas da cidade, foi aqui que começou o desenvolvimento do nosso estado, com a instalação das fábricas no começo do século 19. Infelizmente, a Orlinha se deteriorou nos quatro anos da gestão anterior, mas nos comprometemos, fomos em busca de recursos e hoje autorizamos as obras de recuperação. Por isso é um dia de bastante significado para mim, porque vamos recuperar toda a área devolvendo a este lugar a beleza que sempre teve", afirmou o prefeito.
Durante seu discurso, Edvaldo lembrou que a última recuperação completa pela qual a Orlinha do bairro Industrial passou foi em 2003, com Marcelo Déda como prefeito e ele vice. Para tanto, o gestor enfatizou que, enquanto esteve à frente da Prefeitura, em outros mandatos, sempre manteve o espaço bem cuidado. "O que infelizmente não aconteceu nos quatro anos da gestão que nos antecedeu. Quando eu e Marcelo Déda realizamos essa obra em 2003, abrimos as portas para novos pontos turísticos em Aracaju. Deixamos esse lugar uma maravilha e as pessoas lembram bem disso. Era um dos locais mais visitados em Aracaju e por isso  sempre cuidei, nas minhas gestões anteriores, com todo o carinho. Passei quatro anos fora da Prefeitura e não me conformava com o abandono sofrido por este local. Então me dediquei a buscar recursos para recuperá-lo e agora vamos fazer uma obra que trará de volta a autoestima a essa região", enfatizou.
Edvaldo destacou ainda que a revitalização da Orlinha, somada à recuperação da avenida Ivo do Prado e a construção do novo terminal do Mercado, prevista dentro do Plano de Mobilidade Urbana, "dão início a uma nova história para o Centro da cidade". "Essa é uma área histórica da nossa capital e que precisa ser preservada. Agora, com a inauguração de um shopping center, ela passa a atrair mais pessoas  e nós precisamos contribuir porque essa movimentação gera emprego e renda. Sabemos a importância que o turismo tem, então todo o trabalho que estamos fazendo nesta região influenciará de maneira positiva. Estamos buscando o título que tivemos por muito tempo, o da capital da qualidade de vida, e todas as ações feitas, desde que voltamos à Prefeitura, nos ajuda nesse sentido", ratificou.