Arbitragem feminina na decisão da Divisão A2

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 17/10/2019 às 23:38:00

 

A Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol (CEAF-SE) escalou árbitros exclusivamente femininos, para comandar a partida entre Maruinense e América, na tarde de domingo na Arena Batistão. As duas equipes decidem o título estadual da Divisão A2 de 2019. Ao todo, sete árbitras foram escaladas para essa partida.
A partida acontece às 15h00 na Arena Batistão, em Aracaju e terá como árbitra central Thayslane de Melo Costa, sergipana pertencente   ao quadro da - FIFA. As assistentes serão Vaneide Vieira de Góis - CBF e Tâmara Nayara M. Souza - CBF. As árbitras adicionais serão Ingrede Santos - ASP/CBF e Evellyn Vitale - FSF. A quarta Árbitra será: Vanessa Santos Azevedo - CBF e a quinta Árbitra: Amanda de Oliveira Santos - ASP/CBF.
Formada em Educação Física, Thayslane tem 30 anos e é aracajuana, mas viveu por muito tempo no interior no estado, no município de Propriá. Ela integra o quadro internacional de arbitragem há um ano.

A Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol (CEAF-SE) escalou árbitros exclusivamente femininos, para comandar a partida entre Maruinense e América, na tarde de domingo na Arena Batistão. As duas equipes decidem o título estadual da Divisão A2 de 2019. Ao todo, sete árbitras foram escaladas para essa partida.
A partida acontece às 15h00 na Arena Batistão, em Aracaju e terá como árbitra central Thayslane de Melo Costa, sergipana pertencente   ao quadro da - FIFA. As assistentes serão Vaneide Vieira de Góis - CBF e Tâmara Nayara M. Souza - CBF. As árbitras adicionais serão Ingrede Santos - ASP/CBF e Evellyn Vitale - FSF. A quarta Árbitra será: Vanessa Santos Azevedo - CBF e a quinta Árbitra: Amanda de Oliveira Santos - ASP/CBF.
Formada em Educação Física, Thayslane tem 30 anos e é aracajuana, mas viveu por muito tempo no interior no estado, no município de Propriá. Ela integra o quadro internacional de arbitragem há um ano.