Suspeitos morrem após confronto em Poço Verde

Cidades

 

Uma operação conjunta realizada no último sábado, em Poço Verde (Centro-Sul), envolvendo policiais da Delegacia Regional de Tobias Barreto e do 11º Batalhão de Polícia Militar (11º BPM), com o apoio operacional da Companhia Independente de Operações em Área de Caatinga (Ciopac), resultou na apreensão de duas armas de fogo e na morte de dois suspeitos, após confronto contra as equipes.
A ação integrada tinha objetivo de cumprir dois mandados de prisão contra Reginaldo de Jesus Junior, o "Naldinho", acusado por tráfico de drogas; e João Batista de Jesus Santos, o "Batista", acusado por vários crimes de pistolagem no município.
Nas primeiras horas deste sábado, a operação foi deflagrada sob o comando do delegado de Tobias Barreto e do comandante do 11º BPM, no Conjunto Habitacional Valadares, onde os infratores reagiram as ordens de prisão, atirando contra os policiais. Imediatamente, as equipes reagiram ao ataque e, durante a troca de tiros, os dois suspeitos foram atingidos. Eles foram socorridos e encaminhados ao hospital local, mas acabaram não resistindo aos ferimentos. Os armamentos apreendidos, um revólver calibre 38 e uma espingarda calibre 12, foram encaminhados à Delegacia Regional de Tobias Barreto.

Uma operação conjunta realizada no último sábado, em Poço Verde (Centro-Sul), envolvendo policiais da Delegacia Regional de Tobias Barreto e do 11º Batalhão de Polícia Militar (11º BPM), com o apoio operacional da Companhia Independente de Operações em Área de Caatinga (Ciopac), resultou na apreensão de duas armas de fogo e na morte de dois suspeitos, após confronto contra as equipes.
A ação integrada tinha objetivo de cumprir dois mandados de prisão contra Reginaldo de Jesus Junior, o "Naldinho", acusado por tráfico de drogas; e João Batista de Jesus Santos, o "Batista", acusado por vários crimes de pistolagem no município.
Nas primeiras horas deste sábado, a operação foi deflagrada sob o comando do delegado de Tobias Barreto e do comandante do 11º BPM, no Conjunto Habitacional Valadares, onde os infratores reagiram as ordens de prisão, atirando contra os policiais. Imediatamente, as equipes reagiram ao ataque e, durante a troca de tiros, os dois suspeitos foram atingidos. Eles foram socorridos e encaminhados ao hospital local, mas acabaram não resistindo aos ferimentos. Os armamentos apreendidos, um revólver calibre 38 e uma espingarda calibre 12, foram encaminhados à Delegacia Regional de Tobias Barreto.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS