América quer manter elenco como base

Esporte

 

Logo após se sagrar 
campeão invicto da 
Divisão A2 e garantir vaga na elite do futebol sergipano na próxima temporada, o treinador Caio Simões, agora muito mais valorizado, já dizia que o seu futuro era incerto. "O momento é de comemorar. Tenho propostas de outros estados, mas primeiro vou conversar com os dirigentes do América", dizia o treinador no auge da comemoração do título inédito.
Passado o momento de euforia, Caio Simões já quer definir seu futuro. Em 2020, dificilmente o treinador vai permanecer no América. Ele tem proposta de várias equipes de outros estados e pelas circunstancias, dificilmente haverá acordo para renovação.  O treinador Caio Simões passa a ser dúvida quanto sua permanência no clube. O profissional tem proposta certa do futebol paraense.
O presidente do América Nadson Nem, diz que tem uma boa proposta para apresentar a Caio Simões, mas até o momento não houve uma conversa entre as partes. O presidente Nem disse que ficou de ligar para o treinador, mas até o momento não ocorreu. A diretoria do América busca valores que possam agregar e fortalecer o grupo e ser competitivo. O dirigente também, adiantou que já conversa com outro treinador, cujo o nome não foi revelado. Trata-se de um profissional do futebol paulista, que apresentou o currículo, mas o dirigente ainda não se definiu. Espera um acerto com Simões. 
- Caio tem proposta e até agora não me ligou, não me disse nada. Na verdade, não ligou nem para agradecer. Então, eu não sei qual é a situação dele. Independente de tudo, já tenho outro nome, que já era para estar conosco desde o ano passado. A gente precisa conversar, para ver se vai dar certo, para dar uma sequência do que ocorreu neste ano - disse o presidente Nadson Nem.
Uma coisa é certa. Dos atletas campeões, no mínimo três não permanecerão no elenco colorado do interior sergipano. O goleiro Geovane, o zagueiro Renato e o atacante Neto, devem vestir a camisa do campeão do Freipaulistano. Sendo assim, cabe à diretoria buscar outras soluções, esse é o pensamento do mandatário do clube.
-Com exceção desses três, o restante está disposto. Foi feito um trabalho, o grupo reconhece e não é hora de desmontar o elenco que conquistou o acesso. Agora, é trazer jogadores à altura da equipe.

Logo após se sagrar  campeão invicto da  Divisão A2 e garantir vaga na elite do futebol sergipano na próxima temporada, o treinador Caio Simões, agora muito mais valorizado, já dizia que o seu futuro era incerto. "O momento é de comemorar. Tenho propostas de outros estados, mas primeiro vou conversar com os dirigentes do América", dizia o treinador no auge da comemoração do título inédito.
Passado o momento de euforia, Caio Simões já quer definir seu futuro. Em 2020, dificilmente o treinador vai permanecer no América. Ele tem proposta de várias equipes de outros estados e pelas circunstancias, dificilmente haverá acordo para renovação.  O treinador Caio Simões passa a ser dúvida quanto sua permanência no clube. O profissional tem proposta certa do futebol paraense.
O presidente do América Nadson Nem, diz que tem uma boa proposta para apresentar a Caio Simões, mas até o momento não houve uma conversa entre as partes. O presidente Nem disse que ficou de ligar para o treinador, mas até o momento não ocorreu. A diretoria do América busca valores que possam agregar e fortalecer o grupo e ser competitivo. O dirigente também, adiantou que já conversa com outro treinador, cujo o nome não foi revelado. Trata-se de um profissional do futebol paulista, que apresentou o currículo, mas o dirigente ainda não se definiu. Espera um acerto com Simões. 
- Caio tem proposta e até agora não me ligou, não me disse nada. Na verdade, não ligou nem para agradecer. Então, eu não sei qual é a situação dele. Independente de tudo, já tenho outro nome, que já era para estar conosco desde o ano passado. A gente precisa conversar, para ver se vai dar certo, para dar uma sequência do que ocorreu neste ano - disse o presidente Nadson Nem.
Uma coisa é certa. Dos atletas campeões, no mínimo três não permanecerão no elenco colorado do interior sergipano. O goleiro Geovane, o zagueiro Renato e o atacante Neto, devem vestir a camisa do campeão do Freipaulistano. Sendo assim, cabe à diretoria buscar outras soluções, esse é o pensamento do mandatário do clube.
-Com exceção desses três, o restante está disposto. Foi feito um trabalho, o grupo reconhece e não é hora de desmontar o elenco que conquistou o acesso. Agora, é trazer jogadores à altura da equipe.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS