Suspeito de tentativa de estupro morre em tiroteio

Cidades

 

Um homem suspeito de tentar estuprar uma mulher no final da tarde de ontem, dentro de um supermercado na saída de Aracaju, morreu depois de uma abordagem feita por equipes do Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope). O ex-presidiário Carlos Rafael Santos, 30 anos, já cumpriu pena por uma prisão em flagrante pelo crime de estupro. 
Segundo os policiais, a mulher começou a gritar dentro do banheiro e Eafael saiu semi-nu e correu para a parte externa do supermercado. Segundo populares, ele acabou se escondendo em uma área de terreno baldio e estava "extremamente exaltado", conforme relato feito pela vítima. 
Equipes do Cope foram no local e receberam as primeiras informações. Houve buscas na região e o homem foi localizado no matagal com um revólver calibre 38. Ele reagiu à ação policial e foi atingido e encaminhado ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), mas morreu. A vítima foi levada para o Cope, onde prestou os primeiros esclarecimentos à polícia. Os policiais deram todo o suporte e farão os encaminhamentos necessários após esclarecimentos.

Um homem suspeito de tentar estuprar uma mulher no final da tarde de ontem, dentro de um supermercado na saída de Aracaju, morreu depois de uma abordagem feita por equipes do Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope). O ex-presidiário Carlos Rafael Santos, 30 anos, já cumpriu pena por uma prisão em flagrante pelo crime de estupro. 
Segundo os policiais, a mulher começou a gritar dentro do banheiro e Eafael saiu semi-nu e correu para a parte externa do supermercado. Segundo populares, ele acabou se escondendo em uma área de terreno baldio e estava "extremamente exaltado", conforme relato feito pela vítima. 
Equipes do Cope foram no local e receberam as primeiras informações. Houve buscas na região e o homem foi localizado no matagal com um revólver calibre 38. Ele reagiu à ação policial e foi atingido e encaminhado ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), mas morreu. A vítima foi levada para o Cope, onde prestou os primeiros esclarecimentos à polícia. Os policiais deram todo o suporte e farão os encaminhamentos necessários após esclarecimentos.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS