Jovem desaparecida há dois meses é achada morta

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 07/11/2019 às 21:52:00

 

O corpo de uma jovem sergipana de 19 anos, identificada como Ana Clara Farias dos Santos, foi encontrado em estado de decomposição nesta quarta-feira, às margens de uma rodovia que dá acesso à cidade de Paulo Afonso (BA). Segundo o pai da vítima, Gidalvo Caldeiro, a jovem estava desaparecida desde o dia 7 de setembro, quando saiu com amigos e não voltou para casa, em Poço Redondo (Sertão).
Desde o seu desaparecimento, a família iniciou buscas junto com a polícia, mas sem sucesso. Ontem de manhã, o pai da jovem esteve em Aracaju, no Instituto de Identificação no intuito de conseguir um registro de documento da filha para levá-lo ao Instituto Médico Legal (IML) de Paulo Afonso a fim de conseguir a liberação do corpo da jovem. Ainda segundo o pai da vítima, Ana Clara estava separada do esposo há cerca de seis meses. A Polícia Civil baiana investiga o caso. (com informações do A8SE)

O corpo de uma jovem sergipana de 19 anos, identificada como Ana Clara Farias dos Santos, foi encontrado em estado de decomposição nesta quarta-feira, às margens de uma rodovia que dá acesso à cidade de Paulo Afonso (BA). Segundo o pai da vítima, Gidalvo Caldeiro, a jovem estava desaparecida desde o dia 7 de setembro, quando saiu com amigos e não voltou para casa, em Poço Redondo (Sertão).
Desde o seu desaparecimento, a família iniciou buscas junto com a polícia, mas sem sucesso. Ontem de manhã, o pai da jovem esteve em Aracaju, no Instituto de Identificação no intuito de conseguir um registro de documento da filha para levá-lo ao Instituto Médico Legal (IML) de Paulo Afonso a fim de conseguir a liberação do corpo da jovem. Ainda segundo o pai da vítima, Ana Clara estava separada do esposo há cerca de seis meses. A Polícia Civil baiana investiga o caso. (com informações do A8SE)