Edise publica romance do jornalista Marco Vieira

Cultura

 

A Editora Diário Oficial de Sergipe - Edise publica a sua mais nova obra, primogênito do jornalista Marco Vieira, 'Salinas'. O romance que narra a vida de seis jovens, desde suas infâncias à maturidade, é, em parte, um reflexo da vida do autor. Nascido no conjunto Assis Chateubriand, popularmente conhecido como Bugio, em Aracaju, Marco conta, através da ficção, temas que situam em vidas reais.
O lançamento acontecerá no dia 13 de novembro, às 19h, no Hall do Teatro Tobias Barreto, Av. Tancredo Neves, 2209, bairro Inácio Barbosa, na capital sergipana.
Com a ideia de retratar aspectos que marcaram sua vida, e com a sua paixão pela escrita, Marco desenvolve histórias que iniciam pela vida na escola pública, seguido pelos caminhos escolhidos por cada personagem e, por fim, o reencontro destes. 
"Eu sou aluno de escola pública, daí veio a ideia. A obra foi baseada na minha infância, nos encontros que tive, nos colégios que estudei, na família que eu revelo no livro, através da figura de um personagem. E assim fui desenvolvendo todo roteiro, a partir dessa história inicial. São encontros e desencontros que levarão o leitor a refletir sobre as questões abordadas".
O livro é também uma forma de homenagear pessoas queridas que passaram pela vida do autor. "Este livro é dedicado aos meus pais e ao meu sensei Daisaku Ikeda. Na obra represento o meu pai, através do personagem 'Seu Zé das Ervas', pois ele entendia tudo sobre agricultura de ervas", conta.
As histórias desenvolvidas no livro levam consigo os reflexos de temas reais. "O livro fala sobre amizade, relações humanas, situações que colocaram algumas pessoas no mundo do crime, fazendo com que o leitor reflita. Tudo foi baseado em coisas que vi e em histórias que ouvi", detalha Marco Vieira.
Para o presidente da Empresa de Serviços Gráficos de Sergipe - Segrase, Ricardo Roriz, a obra aborda assuntos que levam os leitores à reflexão. "'Salinas' é um livro que insiste nas relações humanas, sendo de grande contribuição e importância para o aprimoramento pessoal de cada um".

A Editora Diário Oficial de Sergipe - Edise publica a sua mais nova obra, primogênito do jornalista Marco Vieira, 'Salinas'. O romance que narra a vida de seis jovens, desde suas infâncias à maturidade, é, em parte, um reflexo da vida do autor. Nascido no conjunto Assis Chateubriand, popularmente conhecido como Bugio, em Aracaju, Marco conta, através da ficção, temas que situam em vidas reais.
O lançamento acontecerá no dia 13 de novembro, às 19h, no Hall do Teatro Tobias Barreto, Av. Tancredo Neves, 2209, bairro Inácio Barbosa, na capital sergipana.
Com a ideia de retratar aspectos que marcaram sua vida, e com a sua paixão pela escrita, Marco desenvolve histórias que iniciam pela vida na escola pública, seguido pelos caminhos escolhidos por cada personagem e, por fim, o reencontro destes. 
"Eu sou aluno de escola pública, daí veio a ideia. A obra foi baseada na minha infância, nos encontros que tive, nos colégios que estudei, na família que eu revelo no livro, através da figura de um personagem. E assim fui desenvolvendo todo roteiro, a partir dessa história inicial. São encontros e desencontros que levarão o leitor a refletir sobre as questões abordadas".
O livro é também uma forma de homenagear pessoas queridas que passaram pela vida do autor. "Este livro é dedicado aos meus pais e ao meu sensei Daisaku Ikeda. Na obra represento o meu pai, através do personagem 'Seu Zé das Ervas', pois ele entendia tudo sobre agricultura de ervas", conta.
As histórias desenvolvidas no livro levam consigo os reflexos de temas reais. "O livro fala sobre amizade, relações humanas, situações que colocaram algumas pessoas no mundo do crime, fazendo com que o leitor reflita. Tudo foi baseado em coisas que vi e em histórias que ouvi", detalha Marco Vieira.Para o presidente da Empresa de Serviços Gráficos de Sergipe - Segrase, Ricardo Roriz, a obra aborda assuntos que levam os leitores à reflexão. "'Salinas' é um livro que insiste nas relações humanas, sendo de grande contribuição e importância para o aprimoramento pessoal de cada um".

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS