Jogos Olímpicos adiados para 2021

Esporte


  • Em entrevista na manhã desta terça-feira, o primeiro ministro do Japão Shinzo Abe, anuncia o adiamento dos Jogos Olímpicos de Tóquio para 2021

 

Givaldo Batista
givaldobs@yahoo.com.br
O governo japonês e 
o Comitê Olímpico 
Internacional (COI) acertaram nesta terça-feira (24), que os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020 serão adiados em um ano,por conta da crise gerado com a pandemia do novo coronavírus. O primeiro ministro japonês, Shinzo Abe, entrou em contato por telefone com o presidente do COI, o alemão Thomas Bach e fez o pedido para que a competição aconteça um ano após a data original, que é 24 de julho. No entanto, essa nova data ainda não está confirmada.
Em entrevista aos jornalistas logo após o contato telefônico com Thomas Bach, Shinzo Abe disse que o COI não impôs restrições e aceitou o pedido. Nas redes sociais do primeiro ministro, também há a confirmação de que os Jogos serão adiados para o verão de 2021.
- O Japão, como país anfitrião, diante das circunstâncias atuais, propôs que o COI estude se pode adiar por um ano os Jogos Olímpicos, para que os atletas possam ter as melhores condições. Bach me respondeu que está de acordo em 100%", afirmou Shinzo Abe aos jornalistas. Assim chegamos ao acordo de realizar os Jogos Olímpicos em Tóquio até o verão de 2021 - informou Shinzo Abe.
Notas oficiais - Pouco depois, o COI publicou uma nota em seu site oficial, explicando a tomada de decisão em conjunto com o primeiro ministro do Japão. Segundo o texto, a decisão foi tomada após a pandemia pelo novo coronavírus, ter acelerado em boa parte do mundo nos últimos dias. Com isso, a saúde dos atletas e de todos os envolvidos na Olimpíada poderia estar em risco com a realização dos Jogos ainda em 2020.
Já Seiko Hashimoto, ministra japonesa para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos, revelou que Shinzo Abe e Thomas Bach discutiram vários temas, entre eles que o nome do evento continuará sendo Tóquio-2020. "Queremos assegurar que os Jogos serão uma vitória contra o coronavírus", disse.
Esta é a primeira vez na era moderna dos Jogos Olímpicos, que uma edição será adiada. Durante a Primeira Guerra, entre 1914 e 1918 e a Segunda Guerra, entre 1939 e 1945, três edições não aconteceram. Em 1944, a Olimpíada deveria ter sido em Londres, na Inglaterra, mas foi realizada apenas quatro anos depois.

Givaldo Batista

O governo japonês e  o Comitê Olímpico  Internacional (COI) acertaram nesta terça-feira (24), que os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020 serão adiados em um ano,por conta da crise gerado com a pandemia do novo coronavírus. O primeiro ministro japonês, Shinzo Abe, entrou em contato por telefone com o presidente do COI, o alemão Thomas Bach e fez o pedido para que a competição aconteça um ano após a data original, que é 24 de julho. No entanto, essa nova data ainda não está confirmada.
Em entrevista aos jornalistas logo após o contato telefônico com Thomas Bach, Shinzo Abe disse que o COI não impôs restrições e aceitou o pedido. Nas redes sociais do primeiro ministro, também há a confirmação de que os Jogos serão adiados para o verão de 2021.
- O Japão, como país anfitrião, diante das circunstâncias atuais, propôs que o COI estude se pode adiar por um ano os Jogos Olímpicos, para que os atletas possam ter as melhores condições. Bach me respondeu que está de acordo em 100%", afirmou Shinzo Abe aos jornalistas. Assim chegamos ao acordo de realizar os Jogos Olímpicos em Tóquio até o verão de 2021 - informou Shinzo Abe.

Notas oficiais - Pouco depois, o COI publicou uma nota em seu site oficial, explicando a tomada de decisão em conjunto com o primeiro ministro do Japão. Segundo o texto, a decisão foi tomada após a pandemia pelo novo coronavírus, ter acelerado em boa parte do mundo nos últimos dias. Com isso, a saúde dos atletas e de todos os envolvidos na Olimpíada poderia estar em risco com a realização dos Jogos ainda em 2020.
Já Seiko Hashimoto, ministra japonesa para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos, revelou que Shinzo Abe e Thomas Bach discutiram vários temas, entre eles que o nome do evento continuará sendo Tóquio-2020. "Queremos assegurar que os Jogos serão uma vitória contra o coronavírus", disse.
Esta é a primeira vez na era moderna dos Jogos Olímpicos, que uma edição será adiada. Durante a Primeira Guerra, entre 1914 e 1918 e a Segunda Guerra, entre 1939 e 1945, três edições não aconteceram. Em 1944, a Olimpíada deveria ter sido em Londres, na Inglaterra, mas foi realizada apenas quatro anos depois.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS