Suspeito de roubar várias lojas em Aracaju é preso

Cidades

 

Suspeito de roubar várias lojas em Aracaju é preso
Policiais civis da equipe do delegado-geral do órgão, Thiago Leandro Oliveira, prenderam em flagrante um homem identificado como Edmilson Gomes dos Reis, 20 anos, conhecido como "Júnior" ou "Menor Latro". Ele é suspeito de roubar pessoas e estabelecimentos comerciais em pelo menos quatro bairros de Aracaju.
Até o momento, foram identificados roubos praticados pelo flagranteado nos bairros 13 de Julho, Porto D'Antas, Industrial e Bugio, mas a lista de novas vítimas deve aumentar no decorrer das investigações. Edmilson admitiu que é usuário de drogas e que não perde a chance de roubar qualquer pessoa que encontrar. Em um dos crimes confessados no Auto de Prisão em Flagrante, ele disse que roubou dinheiro e celular de um ciclista e que utilizou um prego como arma.
Segundo o agente Lancaster, um dos policiais civis que efetuaram a prisão de Júnior, ele foi preso em casa, no bairro Coqueiral (zona norte de Aracaju), na manhã de sexta-feira, e foi encontrado com uma arma de fogo calibre 12, de fabricação caseira. A arma estava escondida dentro do guarda-roupa. Ele admitiu no interrogatório feito na Central de Flagrantes que comprou a arma para fazer assaltos, mas que desejava vender o artefato pela dificuldade de utilização.
O último roubo feito por Edmilson ocorreu em uma farmácia do bairro Industrial. Ele e um comparsa foram flagrados pelas câmeras de segurança anunciando o assalto à funcionária do caixa. O comparsa que aparece nas imagens já foi identificado, porém não foi localizado e continua foragido. Quem tiver informações sobre o paradeiro do suspeito pode ligar para o Disque-Denúncia 181. O sigilo do comunicante é garantido.

Policiais civis da equipe do delegado-geral do órgão, Thiago Leandro Oliveira, prenderam em flagrante um homem identificado como Edmilson Gomes dos Reis, 20 anos, conhecido como "Júnior" ou "Menor Latro". Ele é suspeito de roubar pessoas e estabelecimentos comerciais em pelo menos quatro bairros de Aracaju.
Até o momento, foram identificados roubos praticados pelo flagranteado nos bairros 13 de Julho, Porto D'Antas, Industrial e Bugio, mas a lista de novas vítimas deve aumentar no decorrer das investigações. Edmilson admitiu que é usuário de drogas e que não perde a chance de roubar qualquer pessoa que encontrar. Em um dos crimes confessados no Auto de Prisão em Flagrante, ele disse que roubou dinheiro e celular de um ciclista e que utilizou um prego como arma.
Segundo o agente Lancaster, um dos policiais civis que efetuaram a prisão de Júnior, ele foi preso em casa, no bairro Coqueiral (zona norte de Aracaju), na manhã de sexta-feira, e foi encontrado com uma arma de fogo calibre 12, de fabricação caseira. A arma estava escondida dentro do guarda-roupa. Ele admitiu no interrogatório feito na Central de Flagrantes que comprou a arma para fazer assaltos, mas que desejava vender o artefato pela dificuldade de utilização.
O último roubo feito por Edmilson ocorreu em uma farmácia do bairro Industrial. Ele e um comparsa foram flagrados pelas câmeras de segurança anunciando o assalto à funcionária do caixa. O comparsa que aparece nas imagens já foi identificado, porém não foi localizado e continua foragido. Quem tiver informações sobre o paradeiro do suspeito pode ligar para o Disque-Denúncia 181. O sigilo do comunicante é garantido.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS