PDT oficializa pré-candidatura do prefeito Edvaldo Nogueira à reeleição

Geral


  • POR UNANIMIDADE, PDT APROVA PRÉ-CANDIDATURA À REELEIÇÃO DE EDVALDO NOGUEIRA

  • Reunião virtual do PDT aprovou, por unanimidade, a pré-candidatura à reeleição do prefeito Edvaldo Nogueira

 

O PDT de Aracaju aprovou, por una
nimidade, a pré-candidatura do pre
feito Edvaldo Nogueira à reeleição. A definição se deu, nesta sexta-feira, durante reunião virtual convocada pelo presidente estadual do partido, o deputado federal Fábio Henrique. Na oportunidade, foram apresentados os membros da comissão provisória que ficará responsável pelo diretório da capital. O presidente nacional da sigla, Carlos Lupi, e os vereadores do PDT também participaram da videoconferência.
"A reeleição de Edvaldo Nogueira é prioridade absoluta do PDT, um dos melhores prefeitos do Nordeste, é um prefeito eficiente, competente e que dá respostas positivas à população. Vamos estar juntos nos dedicando à reeleição do prefeito Edvaldo como se fosse a de cada um de nós", afirmou Lupi, que saudou ainda os novos filiados do partido e declarou sua confiança nas ações do PDT em Sergipe.
Presidente estadual da legenda, Fábio Henrique corroborou com o posicionamento de Lupi. "A filiação de Edvaldo engrandece o PDT, torna o partido mais forte na capital. O partido cresceu de maneira significativa na Câmara, passando de um vereador para cinco vereadores. Tenho convicção de que iremos reeleger Edvaldo e manter e até ampliar a nossa bancada no parlamento municipal. Neste sentido, referendado pela Direção Nacional, por esta Direção Estadual, a comissão municipal oficializa a pré-candidatura do prefeito Edvaldo Nogueira à reeleição", afirmou.
Em nome dos novos membros do PDT de Aracaju, o advogado Evandro Galdino se disse muito feliz em participar da nova direção da agremiação. "Tenho orgulho de fazer parte deste momento histórico. Vou dar continuidade a um trabalho que já vinha sendo muito bem feito e vamos trabalhar muito pela reeleição do prefeito Edvaldo Nogueira e pelo fortalecimento da nossa bancada", declarou. Comporão a nova comissão diretiva do PDT além de Galdino, Daisy Cardoso, Vitor Deda, Marconi Santos, Iran Galvão, Mendonça Prado, Melquiades Santos e os vereadores Jason Neto e Isac Silveira.
Toda a bancada de vereadores do PDT de Aracaju participou da reunião remota. O vereador Jason Neto, que respondia pela direção do partido na capital, se disse "muito orgulhoso" em fazer parte do mesmo partido do prefeito Edvaldo Nogueira. Ele ressaltou que o PDT é um "partido sério, que vota a favor do povo". "Vamos trabalhar e eu tenho certeza da reeleição de Edvaldo", declarou.
O vereador Vinicius Porto declarou que é "motivo de honra" estar filiado ao PDT. "O partido me recebeu de portas abertas. Temos uma bancada do PDT na Câmara muito unida e dialogamos muito", afirmou. O vereador Anderson de Tuca saudou a nova direção do diretório municipal. "O PDT de Aracaju está em boas mãos", frisou.
O vereador Isac Silveira ressaltou que o objetivo de todos do partido é "manter a bancada que o PDT possui na Câmara e a reeleição de Edvaldo". O vereador Seu Marcos se disse muito satisfeito em fazer parte da legenda. "Vamos à luta fazer uma bancada do PDT mais forte na Câmara de Aracaju", afirmou. Pré-candidatos a vereador da sigla, como o ex-deputado federal Mendonça Prado e o jornalista Marcos Aurélio, também participaram da videoconferência.
O PDT parece marchar unido pela candidatura à reeleição de Edvaldo Nogueira.

O PDT de Aracaju aprovou, por una nimidade, a pré-candidatura do pre feito Edvaldo Nogueira à reeleição. A definição se deu, nesta sexta-feira, durante reunião virtual convocada pelo presidente estadual do partido, o deputado federal Fábio Henrique. Na oportunidade, foram apresentados os membros da comissão provisória que ficará responsável pelo diretório da capital. O presidente nacional da sigla, Carlos Lupi, e os vereadores do PDT também participaram da videoconferência.
"A reeleição de Edvaldo Nogueira é prioridade absoluta do PDT, um dos melhores prefeitos do Nordeste, é um prefeito eficiente, competente e que dá respostas positivas à população. Vamos estar juntos nos dedicando à reeleição do prefeito Edvaldo como se fosse a de cada um de nós", afirmou Lupi, que saudou ainda os novos filiados do partido e declarou sua confiança nas ações do PDT em Sergipe.
Presidente estadual da legenda, Fábio Henrique corroborou com o posicionamento de Lupi. "A filiação de Edvaldo engrandece o PDT, torna o partido mais forte na capital. O partido cresceu de maneira significativa na Câmara, passando de um vereador para cinco vereadores. Tenho convicção de que iremos reeleger Edvaldo e manter e até ampliar a nossa bancada no parlamento municipal. Neste sentido, referendado pela Direção Nacional, por esta Direção Estadual, a comissão municipal oficializa a pré-candidatura do prefeito Edvaldo Nogueira à reeleição", afirmou.
Em nome dos novos membros do PDT de Aracaju, o advogado Evandro Galdino se disse muito feliz em participar da nova direção da agremiação. "Tenho orgulho de fazer parte deste momento histórico. Vou dar continuidade a um trabalho que já vinha sendo muito bem feito e vamos trabalhar muito pela reeleição do prefeito Edvaldo Nogueira e pelo fortalecimento da nossa bancada", declarou. Comporão a nova comissão diretiva do PDT além de Galdino, Daisy Cardoso, Vitor Deda, Marconi Santos, Iran Galvão, Mendonça Prado, Melquiades Santos e os vereadores Jason Neto e Isac Silveira.
Toda a bancada de vereadores do PDT de Aracaju participou da reunião remota. O vereador Jason Neto, que respondia pela direção do partido na capital, se disse "muito orgulhoso" em fazer parte do mesmo partido do prefeito Edvaldo Nogueira. Ele ressaltou que o PDT é um "partido sério, que vota a favor do povo". "Vamos trabalhar e eu tenho certeza da reeleição de Edvaldo", declarou.
O vereador Vinicius Porto declarou que é "motivo de honra" estar filiado ao PDT. "O partido me recebeu de portas abertas. Temos uma bancada do PDT na Câmara muito unida e dialogamos muito", afirmou. O vereador Anderson de Tuca saudou a nova direção do diretório municipal. "O PDT de Aracaju está em boas mãos", frisou.
O vereador Isac Silveira ressaltou que o objetivo de todos do partido é "manter a bancada que o PDT possui na Câmara e a reeleição de Edvaldo". O vereador Seu Marcos se disse muito satisfeito em fazer parte da legenda. "Vamos à luta fazer uma bancada do PDT mais forte na Câmara de Aracaju", afirmou. Pré-candidatos a vereador da sigla, como o ex-deputado federal Mendonça Prado e o jornalista Marcos Aurélio, também participaram da videoconferência.
O PDT parece marchar unido pela candidatura à reeleição de Edvaldo Nogueira.

Transparência

Os estados do Ceará, Espírito Santo e Rondônia são os mais bem colocados em ranking que mede o nível de transparência de unidades federativas em relação às contratações emergenciais realizadas no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. O levantamento, chegou à terceira edição, foi divulgado nesta sexta-feira (31) pela organização não governamental Transparência Internacional. Com 65,8 pontos, Sergipe tem um desempenho considerado 'bom', em penúltimo lugar. Aracaju tem a mesma pontuação e aparece em 23º lugar entre as capitais.

Bolsonaro

Em último lugar no ranking, aparece Roraima, com 40,5 pontos e desempenho regular. Pela primeira vez, a ONG incluiu o governo federal na análise. Com 49,3 pontos, o governo federal tem atuação considerada regular. A escala vai de 0 a 100 pontos. O nível de transparência vai de péssimo (0 a 19), ruim (20 a 39), regular (40 a 59), bom (60 a 79) e ótimo (80 a 100).

Reabertura

Com a abertura gradual das atividades comerciais em Sergipe, nesta sexta-feira(31), setores do comércio autorizados a reabrir devem seguir, obrigatoriamente, os protocolos sanitários que propõem combater a disseminação do novo coronavírus. Ontem, o governador Belivaldo Chagas reforçou a colaboração da população e dos empresários no cumprimento dos protocolos e medidas sanitárias para a reabertura de forma segura e gradual.

Protocolos

"Não é punir por punir, a questão acaba sendo pedagógica. As pessoas têm que saber que se não cumprirem as normas dentro desse "novo normal" terão que ser punidas e me refiro, principalmente, aos estabelecimentos que não cumprirem os protocolos sanitários. O ideal é que todos tenham a consciência necessária para oferecer os requisitos mínimos necessários para receber a população. É uma questão de consciência", reforçou Belivaldo. 

Fiscalização

A retomada econômica está condicionada à publicação dos protocolos sanitários individualizados por setor econômico pela Secretaria de Estado da Saúde (SES). Confeccionados com rigor técnico e científico, os protocolos foram publicados através de portaria, sendo específicos para cada setor e preveem fiscalização e ações de monitoramento contínuo, coordenados pelo poder público e os setores produtivos.

Desemprego

De acordo com dados divulgados nesta sexta-feira (31) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a taxa de desemprego no Brasil subiu para 13,1% na segunda semana de julho e atinge 12,2 milhões de trabalhadores e trabalhadoras. Na semana anterior a taxa foi de 12,3% (11,5 milhões de desempregados) e primeira semana de maio a taxa foi de 10,5% (9,8 milhões de desempregados).

Trabalho

A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Covid-19 (Pnad Covid-19), que se referem à semana de 5 a 11 de julho, mostrou ainda que a população ocupada e não afastada do trabalho foi estimada em 71,0 milhões de pessoas, estável em relação à semana anterior (71,1 milhões) e com aumento frente à semana de 3 a 9 de maio (63,9 milhões). Entre essas pessoas, 8,2 milhões (ou 11,6%) trabalhavam remotamente. Esse contingente apresentou queda frente à semana anterior (8,9 milhões ou 12,5%) e, em números absolutos, ficou estável em relação à semana de 3 a 9 de maio (8,6 milhões), porém com queda em termos percentuais (13,4%).

Informalidade

A proximidade da taxa de informalidade chegou a 34%, também uma estabilidade frente a semana anterior (34,2%) e de queda se relacionada à semana entre 3 a 9 de maio (35,7%). Do total de pessoas ocupadas, 8,6%, 7 milhões de trabalhadores, estavam afastadas por causa do distanciamento social. Na semana que antecedeu eram de 10,1%. A diferença é ainda maior na comparação com a primeira semana da pesquisa, de 3 a 9 de maio, quando a taxa era de 19,8%, 16,6 milhões de ocupados afastados.

Gabinete do ódio

Os senadores do PT, membros da CPMI das Fake News prometeram reação contra os articuladores do chamado Gabinete do Ódio. A rede bolsonarista que atua nas redes sociais já foi denunciada em alguns depoimentos feitos na CPMI e conta, segundo denúncias, até mesmo com financiamento de recursos públicos. A última vítima de ataques coordenados para destruir reputações nas redes sociais foi o youtuber Felipe Neto. Ele foi alvo de uma série de disparos de conteúdos falsos, inclusive, ligando-o a pedofilia.

Reputações

"Destruir reputações é especialidade deste grupo criminoso que espalha terror e ódio para despertar o caos na sociedade. Felipe Neto conte conosco para desmascarar cada um deles. A verdade prevalecerá", disse o líder do PT, senador Rogério Carvalho (SE).

Líder

A partir deste sábado, a vereadora Emília Corrêa (Patriota) passa a comandar a bancada de oposição na Câmara Municipal de Aracaju (CMA). O vereador Lucas Aribé (Cidadania), que estava à frente da bancada, continuará integrando oposicionista na Casa.  Os vereadores foram unânimes em defender a unidade do grupo e rodízio de nomes na liderança da oposição.  "A nossa preocupação é garantir a unidade do grupo, bem como o desenvolvimento de um bom trabalho na defesa dos aracajuanos, além da manutenção da pegada da oposição ao prefeito Edvaldo Nogueira", reforçou Emília.

Genocida

A Assembleia Legislativa aprovou esta semana uma Moção de Aplauso ao presidente da República Jair Bolsonaro, de autoria do deputado estadual Luciano Pimentel. O vice-presidente da Casa, deputado Francisco Gualberto (PT), votou contrário à moção e justificou dizendo que se trata de um presidente que está denunciado em órgãos internacionais por atentado à saúde pública nacional, por genocídio, em função de todo o seu comportamento nesse momento triste da pandemia do covid-19 no Brasil.

Homenagem

O autor argumentou que a moção se refere à promoção da senhora Ana Paula Simões Silva, cujo pai reside em Sergipe, ao cargo de Ministra de Primeira Classe. Diante disso, Gualberto pediu compreensão a Luciano e sugeriu um ajuste para que a moção fosse direcionada à homenageada, e não ao presidente da República, o que não foi aceito pelo autor. "A moção se refere ao presidente Bolsonaro, e não se dirige exclusivamente a homenageada, pela sua importância, sua atuação e sua promoção, então não tenho condição de votar favorável", afirmou Gualberto.

Cloroquina

O deputado salientou que nos últimos dias a imprensa nacional divulgou que uma Ata do Ministério da Saúde do dia 29 de maio desaconselhava a compra da cloroquina, por não ser um medicamento conveniente no combate ao covid-19, mas mesmo assim o presidente da República comprou 4 mil toneladas do insumo e não sabe onde vai jogar. Além disso, segundo Gualberto, a imprensa alerta para a falta de outros insumos em todos os hospitais brasileiros, como sedativos, relaxantes musculares e outros medicamentos que sem eles, "muitos sergipanos e brasileiros vão falecer nos hospitais porque os médicos não poderão fazer milagres".

Com agências

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS