Polícia Militar apreende 160 quilos de maconha no Lamarão

Cidades


  • A droga apreendida no Lamarão

 

Uma equipe do Batalhão de Polícia de Radiopatrulha (BPRp) apreendeu ontem 160 quilos de maconha que estavam no bairro Lamarão, zona norte de Aracaju. A droga foi localizada após uma denúncia anônima sobre um grande carregamento que estava sendo entregue por dois homens. Os policiais que foram ao local confirmaram a denúncia, ao verem os suspeitos carregando sacolas plásticas da mala de um veículo Renault Sandero de cor prata e de placas PZV-8434.Imediatamente, foi feita a aproximação policial e dada ordem de parada para que se efetuasse uma abordagem. 
O suspeito, identificado como Givanilson dos Santos Silva, não reagiu à abordagem, contudo, o segundo envolvido, identificado posteriormente como Marcos César dos Santos, empreendeu fuga, sacou uma arma de fogo e atirou contra os policiais, que, de imediato, reagiram à agressão e atingiram o infrator.Durante o confronto, um dos tiros efetuados pelo suspeito ricocheteou e atingiu um dos soldados do BPRp, que teve o braço ferido. Marcos César dos Santos, por sua vez, foi encaminhado ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), onde recebeu os primeiros socorros, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.
No local da abordagem, foram encontrados 160 quilos de maconha e uma balança de precisão. Um revólver calibre 38 usado pelo suspeito morto também foi apreendido. O material e o suspeito preso foram encaminhados ao Departamento de Narcóticos (Denarc), que vai investigar a procedência da droga e a quem ela seria entregue.
Capela - À tarde, os policiais civis da Delegacia de Capela e da Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (COPCI) cumpriram um mandado de prisão preventiva contra Erick Melo Ribeiro, conhecido como "Bombinha". O suspeito é apontado como o responsável pela prática de tráfico de drogas.
Segundo informações policiais, a ordem judicial de prisão foi expedida pela Comarca do município Capela nos autos de processo que apura a prática do crime de tráfico ilícito de entorpecentes. O suspeito será encaminhado ao Sistema Penitenciário Estadual, onde permanecerá custodiado à disposição da Justiça.

Uma equipe do Batalhão de Polícia de Radiopatrulha (BPRp) apreendeu ontem 160 quilos de maconha que estavam no bairro Lamarão, zona norte de Aracaju. A droga foi localizada após uma denúncia anônima sobre um grande carregamento que estava sendo entregue por dois homens. Os policiais que foram ao local confirmaram a denúncia, ao verem os suspeitos carregando sacolas plásticas da mala de um veículo Renault Sandero de cor prata e de placas PZV-8434.Imediatamente, foi feita a aproximação policial e dada ordem de parada para que se efetuasse uma abordagem. 
O suspeito, identificado como Givanilson dos Santos Silva, não reagiu à abordagem, contudo, o segundo envolvido, identificado posteriormente como Marcos César dos Santos, empreendeu fuga, sacou uma arma de fogo e atirou contra os policiais, que, de imediato, reagiram à agressão e atingiram o infrator.Durante o confronto, um dos tiros efetuados pelo suspeito ricocheteou e atingiu um dos soldados do BPRp, que teve o braço ferido. Marcos César dos Santos, por sua vez, foi encaminhado ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), onde recebeu os primeiros socorros, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.
No local da abordagem, foram encontrados 160 quilos de maconha e uma balança de precisão. Um revólver calibre 38 usado pelo suspeito morto também foi apreendido. O material e o suspeito preso foram encaminhados ao Departamento de Narcóticos (Denarc), que vai investigar a procedência da droga e a quem ela seria entregue.

Capela - À tarde, os policiais civis da Delegacia de Capela e da Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (COPCI) cumpriram um mandado de prisão preventiva contra Erick Melo Ribeiro, conhecido como "Bombinha". O suspeito é apontado como o responsável pela prática de tráfico de drogas.
Segundo informações policiais, a ordem judicial de prisão foi expedida pela Comarca do município Capela nos autos de processo que apura a prática do crime de tráfico ilícito de entorpecentes. O suspeito será encaminhado ao Sistema Penitenciário Estadual, onde permanecerá custodiado à disposição da Justiça.


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS