Decisão adiada: Sergipe e Confiança empatam

Esporte


  • Sergipe e Confiança fizeram um grande jogo. O empate e 0x0 adiou a decisão para a próxima sexta-feira entre Confiança e Itabaiana

 

Sergipe e Confiança fi-
zeram um jogo deci-
sivo na tarde - noite desta sexta-feira, na Arena Batistão. A vitória valia o título estadual de 2020, mas as duas equipes empataram em 0x0. Assim, a decisão foi a adiada para a próxima sexta-feira (21), quando o Confiança enfrenta o Itabaiana. O time proletário joga pelo empate. 
O Itabaiana precisa vencer para garantir vaga no Brasileiro da Série D. Paradoxalmente, se o Itabaiana perder ou empatar, o Confiança será campeão, mas o Itabaiana ganha a vaga na seletiva da Copa do Nordeste. Para o time serrano é uma questão de escolha.
Um bom jogo - Sergipe e Confiança fizeram um bom jogo. O time proletário mais estruturado, fez um bom primeiro tempo. Dominou o jogo mas o gol não saiu. Logo aos 3 minutos na cobrança de falta, Marcelinho solta a bomba e acerta a trave de Marcão. Aliás a trave foi quem fez as principais defesas do Sergipe.  Foram no mínimo quatro bolas na trave de Marcão. 
Dois minutos depois, o Sergipe deu o troco. Wilson Júnior recebe dentro da área, corta para dentro e solta a bomba. A Bola chegou a assustar. A partir daí só deu Confiança. O Sergipe se defendia bem e só saia na boa. O Confiança pressionava, mas o gol não saiu. Primeiro tempo terminou em 0x0. No final do primeiro tempo, Mikael desperdiçou uma excelente oportunidade.
Voltou melhor - No segundo tempo o Sergipe voltou melhor posicionado. Logo no início, 1 minutos de jogo e Daniel cobra na entrada da pequena área, Dinda sobe mais que todo mundo, mas cabeceia ao lado do gol. A partir daí o jogo ficou equilibrado.
O Confiança voltou com Rafael Vila no lugar de Danilo Pires. No decorrer do jogo Ítalo, Ary Moura e André Moritz entraram no Confiança. No Sergipe entra Montoya no lugar de Dedé. Entram ainda Entram: Henrique, Hiltinho e Cléber. Na metade do segundo tempo o Confiança pressionou mais ainda. Ítalo, Moritz e Ary Moura acertaram a trave de Marcão. A bola insistia em não entrar. O árbitro deu mais cinco minutos mas o jogo, não saiu do 0x0. Decisão adiada para o último jogo no dia 21 entre Itabaiana e Confiança. Confiança leva o título com um empate.

Sergipe e Confiança fi- zeram um jogo deci- sivo na tarde - noite desta sexta-feira, na Arena Batistão. A vitória valia o título estadual de 2020, mas as duas equipes empataram em 0x0. Assim, a decisão foi a adiada para a próxima sexta-feira (21), quando o Confiança enfrenta o Itabaiana. O time proletário joga pelo empate. 
O Itabaiana precisa vencer para garantir vaga no Brasileiro da Série D. Paradoxalmente, se o Itabaiana perder ou empatar, o Confiança será campeão, mas o Itabaiana ganha a vaga na seletiva da Copa do Nordeste. Para o time serrano é uma questão de escolha.

Um bom jogo - Sergipe e Confiança fizeram um bom jogo. O time proletário mais estruturado, fez um bom primeiro tempo. Dominou o jogo mas o gol não saiu. Logo aos 3 minutos na cobrança de falta, Marcelinho solta a bomba e acerta a trave de Marcão. Aliás a trave foi quem fez as principais defesas do Sergipe.  Foram no mínimo quatro bolas na trave de Marcão. 
Dois minutos depois, o Sergipe deu o troco. Wilson Júnior recebe dentro da área, corta para dentro e solta a bomba. A Bola chegou a assustar. A partir daí só deu Confiança. O Sergipe se defendia bem e só saia na boa. O Confiança pressionava, mas o gol não saiu. Primeiro tempo terminou em 0x0. No final do primeiro tempo, Mikael desperdiçou uma excelente oportunidade.

Voltou melhor -
No segundo tempo o Sergipe voltou melhor posicionado. Logo no início, 1 minutos de jogo e Daniel cobra na entrada da pequena área, Dinda sobe mais que todo mundo, mas cabeceia ao lado do gol. A partir daí o jogo ficou equilibrado.
O Confiança voltou com Rafael Vila no lugar de Danilo Pires. No decorrer do jogo Ítalo, Ary Moura e André Moritz entraram no Confiança. No Sergipe entra Montoya no lugar de Dedé. Entram ainda Entram: Henrique, Hiltinho e Cléber. Na metade do segundo tempo o Confiança pressionou mais ainda. Ítalo, Moritz e Ary Moura acertaram a trave de Marcão. A bola insistia em não entrar. O árbitro deu mais cinco minutos mas o jogo, não saiu do 0x0. Decisão adiada para o último jogo no dia 21 entre Itabaiana e Confiança. Confiança leva o título com um empate.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS