Para os professores, retorno às aulas presenciais em 2021 só com segurança máxima

Cidades

 

Para os professores, retorno às aulas presenciais em 2021 só com segurança máxima
Em reunião do comitê científico realizado anteontem (15), o Sintese reafirmou a decisão da assembleia dos professores e professoras da rede estadual realizada no dia 07. O retorno as aulas presenciais de todas as turmas só se efetive em 2021 e após o Governo do Estado ter organizado as escolas na estrutura física, sanitárias, pedagógicas e se pessoal de apoio.
"As escolas de Sergipe precisam passar por uma profunda reestruturação, mais ainda por conta do aumento do número de casos registrados nos últimos dias", afirmou a presidenta do Sintese, Ivonete Cruz.
Na primeira reunião com participação do Sintese ocorrida no dia 08, o sindicato entregou ao governo do Estado documento com 30 páginas tratando de um diagnóstico das escolas estaduais e de quais medidas deve ser providenciadas antes e mantidas durante o retorno às aulas para garantir a segurança de todos que fazem parte da escola.
Na reunião do dia 15 de outubro a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura apresentou um documento com cinco diretrizes: sanitária, de infraestrutura, de pessoal, pedagógico e governança cujas ações se aproximam muito do que o SINTESE encaminhou na primeira reunião.
"Considerando o que foi apresentado pela Seduc, o governo do Estado tem que ser apressar e trabalhar firme para garantir que todas as medidas que constam no protocolo da Seduc sejam efetivadas. Independente de quais turmas voltem, pessoas estarão trabalhando e é fundamental garantir a segurança e a saúde delas", pontuou.
Assembleia - Diante da proposta apresentada pelo governo do retorno das aulas presenciais das turmas do terceiro ano convencional e da Educação de Jovens e Adultos.
A partir do que foi colocado pelo governo do Estado após a reunião do comitê, de retorno das aulas presenciais das turmas de terceiro ano do ensino médio no dia 17 de novembro, o Sintese  irá convocar uma assembleia para o dia 21 de outubro, às 9h pelo aplicativo Zoom, com a presença preferencialmente dos professores e professoras que ministram aulas nas turmas do ensino médio. O link será disponibilizado em breve.

Em reunião do comitê científico realizado anteontem (15), o Sintese reafirmou a decisão da assembleia dos professores e professoras da rede estadual realizada no dia 07. O retorno as aulas presenciais de todas as turmas só se efetive em 2021 e após o Governo do Estado ter organizado as escolas na estrutura física, sanitárias, pedagógicas e se pessoal de apoio.
"As escolas de Sergipe precisam passar por uma profunda reestruturação, mais ainda por conta do aumento do número de casos registrados nos últimos dias", afirmou a presidenta do Sintese, Ivonete Cruz.
Na primeira reunião com participação do Sintese ocorrida no dia 08, o sindicato entregou ao governo do Estado documento com 30 páginas tratando de um diagnóstico das escolas estaduais e de quais medidas deve ser providenciadas antes e mantidas durante o retorno às aulas para garantir a segurança de todos que fazem parte da escola.
Na reunião do dia 15 de outubro a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura apresentou um documento com cinco diretrizes: sanitária, de infraestrutura, de pessoal, pedagógico e governança cujas ações se aproximam muito do que o SINTESE encaminhou na primeira reunião.
"Considerando o que foi apresentado pela Seduc, o governo do Estado tem que ser apressar e trabalhar firme para garantir que todas as medidas que constam no protocolo da Seduc sejam efetivadas. Independente de quais turmas voltem, pessoas estarão trabalhando e é fundamental garantir a segurança e a saúde delas", pontuou.

Assembleia - Diante da proposta apresentada pelo governo do retorno das aulas presenciais das turmas do terceiro ano convencional e da Educação de Jovens e Adultos.
A partir do que foi colocado pelo governo do Estado após a reunião do comitê, de retorno das aulas presenciais das turmas de terceiro ano do ensino médio no dia 17 de novembro, o Sintese  irá convocar uma assembleia para o dia 21 de outubro, às 9h pelo aplicativo Zoom, com a presença preferencialmente dos professores e professoras que ministram aulas nas turmas do ensino médio. O link será disponibilizado em breve.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS