Nova derrota

Geral


  • FALHA DO GOLEIRO RAFAEL SANTOS PERMITIU A VITÓRIA DO AVAÍ POR 1 X 0 CONTRA O CONFIANÇA, EM FLORIANÓPOLIS. TIME SERGIPANO SE AFASTA DO G4

 

O Confiança perdeu 
para o Avaí por 1x0, 
uma partida em que o time sergipano foi melhor em campo nos dois tempos, ameaçou mais o gol adversário, obrigou ao goleiro da Avaí a fazer grandes defesas, mas uma falha do goleiro Rafael Santos, que saiu jogando errado, proporcionou o único gol do Avaí, marcado por Rômulo, que garantiu a vitória do time catarinense. 
É bom lembrar que o Confiança jogou todo o segundo tempo com um jogador a menos. O lateral esquerdo Daniel Silva foi expulso nos últimos minutos da primeira fase. Mas foi o Confiança quem mandou no jogo no segundo tempo.
Vindo de dois triunfos e um empate, o Avaí superou surto de covid-19 no elenco e manteve a boa fase na Série B do Campeonato Brasileiro ao receber o Confiança, na tarde desta sexta-feira (20), e vencer, por 1 a 0, na abertura da 22ª rodada. ôomulo marcou, aos 40 minutos do primeiro tempo, o único gol da partida disputada na Ressacada, em Florianópolis (SC).
Com o resultado, os donos da casa foram para os 33 pontos, quatro a mais do que os visitantes. No momento, Sampaio Corrêa, América-MG e Cuiabá, com 37, fecham o grupo de acesso ao Brasileirão, enquanto Náutico, com 20, abre a zona de rebaixamento para a Série C, que ainda tem Oeste, com oito. Chapecoense, com 44, lidera de forma isolada.
Primeiro tempo - Atuando dentro de casa, o Avaí começou a partida dando as cartas. Logo aos três minutos, Jonathan aproveitou saída de bola errada dos adversários e fez o chute. Rafael Santos fez boa defesa. Gledson, aos dez, salvou os donos da casa após cabeçada de Reis após cruzamento de Djalma Silva. Os mandantes voltaram a ameaçar aos 26, em batida de Valdívia que parou no goleiro sergipano.
Aos 40', Rômulo aproveitou bobeada na saída de jogo visitantes e arriscou finalização. A bola desviou em Matheus Mancini e morreu no fundo das redes. Aos 47, o lateral Djalma Silva cometeu falta dura em Rômulo, tomou o segundo cartão amarelo e deixou o Confiança com um jogador a menos.
No segundo tempo em vantagem, tanto no placar quanto em jogadores em campo, o Avaí buscou apenas administrar a vantagem na etapa final. Mesmo assim, ficou por um fio de tomar o empate. Aos oito minutos, de maneira surpreendente, Guilherme Castilho cobrou falta 'no veneno'.Ele acabou parando em grande intervenção de Gledson. Já aos 21, Everton roubou a bola em situação confortável e tirou tinta da trave em boa finalização. No apagar das luzes, aos 46, Reis desperdiçou cruzamento no capricho de Bruno Paraíba.
As equipes voltam a campo no começo da próxima semana, pela 23.ª rodada. Na segunda-feira (23), o Avaí visita o Botafogo-SP, às 20h, no Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP). Já na terça-feira (24), o Confiança recebe o Cuiabá, às 19h15, na Arena Batistão, em Aracaju (SE).

O Confiança perdeu  para o Avaí por 1x0,  uma partida em que o time sergipano foi melhor em campo nos dois tempos, ameaçou mais o gol adversário, obrigou ao goleiro da Avaí a fazer grandes defesas, mas uma falha do goleiro Rafael Santos, que saiu jogando errado, proporcionou o único gol do Avaí, marcado por Rômulo, que garantiu a vitória do time catarinense. 
É bom lembrar que o Confiança jogou todo o segundo tempo com um jogador a menos. O lateral esquerdo Daniel Silva foi expulso nos últimos minutos da primeira fase. Mas foi o Confiança quem mandou no jogo no segundo tempo.
Vindo de dois triunfos e um empate, o Avaí superou surto de covid-19 no elenco e manteve a boa fase na Série B do Campeonato Brasileiro ao receber o Confiança, na tarde desta sexta-feira (20), e vencer, por 1 a 0, na abertura da 22ª rodada. ôomulo marcou, aos 40 minutos do primeiro tempo, o único gol da partida disputada na Ressacada, em Florianópolis (SC).
Com o resultado, os donos da casa foram para os 33 pontos, quatro a mais do que os visitantes. No momento, Sampaio Corrêa, América-MG e Cuiabá, com 37, fecham o grupo de acesso ao Brasileirão, enquanto Náutico, com 20, abre a zona de rebaixamento para a Série C, que ainda tem Oeste, com oito. Chapecoense, com 44, lidera de forma isolada.

Primeiro tempo - Atuando dentro de casa, o Avaí começou a partida dando as cartas. Logo aos três minutos, Jonathan aproveitou saída de bola errada dos adversários e fez o chute. Rafael Santos fez boa defesa. Gledson, aos dez, salvou os donos da casa após cabeçada de Reis após cruzamento de Djalma Silva. Os mandantes voltaram a ameaçar aos 26, em batida de Valdívia que parou no goleiro sergipano.
Aos 40', Rômulo aproveitou bobeada na saída de jogo visitantes e arriscou finalização. A bola desviou em Matheus Mancini e morreu no fundo das redes. Aos 47, o lateral Djalma Silva cometeu falta dura em Rômulo, tomou o segundo cartão amarelo e deixou o Confiança com um jogador a menos.
No segundo tempo em vantagem, tanto no placar quanto em jogadores em campo, o Avaí buscou apenas administrar a vantagem na etapa final. Mesmo assim, ficou por um fio de tomar o empate. Aos oito minutos, de maneira surpreendente, Guilherme Castilho cobrou falta 'no veneno'.Ele acabou parando em grande intervenção de Gledson. Já aos 21, Everton roubou a bola em situação confortável e tirou tinta da trave em boa finalização. No apagar das luzes, aos 46, Reis desperdiçou cruzamento no capricho de Bruno Paraíba.
As equipes voltam a campo no começo da próxima semana, pela 23.ª rodada. Na segunda-feira (23), o Avaí visita o Botafogo-SP, às 20h, no Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP). Já na terça-feira (24), o Confiança recebe o Cuiabá, às 19h15, na Arena Batistão, em Aracaju (SE).

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS