DHPP prende homem que matou por dívidas de drogas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 03/05/2013 às 11:29:00

A equipe da 4ª Divisão do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prendeu anteontem, em cumprimento a mandado de prisão preventiva, Givanildo Ferreira Lima, conhecido como 'Manco', 'Jegue' ou 'Pé de Pano'. Segundo a delegada Juliana Alcoforado, Givanildo é acusado de ter assassinado a tiros, em 13 de abril de 2013, um homem identificado como Júlio André Soares da Silva, o  'André Aranha'.

Para a polícia, o crime foi praticado por causa de dívidas de drogas entre a vítima e o cunhado de Givanildo, Moacir José dos Santos Júnior, o 'Teté', que permanece foragido. "As partes se desentenderam e, em 2012, André Aranha foi preso. Ao ser libertado, no dia seguinte ocorreu o acerto de contas dentro da casa da vítima. O Júlio André já respondeu por roubos qualificados e homicídio doloso e, segundo as investigações, traficava drogas", explicou a delegada.

Teté já respondeu pelos crimes de porte ilegal de arma, roubo qualificado, tráfico de drogas e diversos procedimentos quando era adolescente. Givanildo foi preso em sua residência, situada no Mutirão do Conjunto João Alves, em Nossa Senhora do Socorro, mesma região onde ocorreu o homicídio de André Aranha. Também foi preso em flagrante nesta ação, por posse irregular de munições, o irmão de Givanildo, Jhonatan Luiz Ferreira Lima.

A Polícia Civil se concentra agora na prisão de Moacir José que, além de ter matado André Aranha, é investigado pela prática de outros dois homicídios em Nossa Senhora do Socorro. Qualquer informação sobre a localização do foragido pode ser passada pelo Disque Denúncia (181).