Jackson visita ministro do Trabalho e solicita retorno do Projovem a Sergipe

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Jackson Barreto e o ministro do Trabalho  e Emprego, Manoel Dias
Jackson Barreto e o ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 17/05/2013 às 10:39:00

O vice-governador Jackson Barreto esteve na última quarta-feira, 15, em Brasília, participando de audiência com o ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias. O deputado federal Rogério Carvalho e o secretário estadual do Trabalho, Lauro Seixas, também participaram da conversa, quando o vice-governador reivindicou a volta do Projovem para Sergipe - o Estado já teve quase sete mil crianças beneficiadas, mas no ano passado não foi realizado.
"Fui apresentar um pleito fundamental para capacitar e qualificar a nossa juventude, principalmente no interior do Estado", disse Jackson. Além do retorno do Projovem, o vice-governador solicitou verbas para dois programas específicos: um de qualificação para mão de obra da Construção Civil - setor onde existe abundância de vagas, sendo que muitas não são preenchidas por falta de qualificação; e outro para qualificar trabalhadores na área do Turismo - já de olho nas oportunidades que podem ser geradas com a Copa do Mundo.
"A construção civil hoje explode em oportunidades, por isso pedimos recursos específicos para qualificar trabalhadores para esta área, que tem capacidade de absorver essa mão de obra. Já na área do Turismo, queremos cursos voltados para hotelaria, restaurantes e outros setores, já de olho na Copa do Mundo de 2014 - quando Sergipe poderá ser uma subsede e estará entre duas sedes, Recife e Salvador, o que deve gerar oportunidades no setor", explicou Jackson.

O vice-governador também disse que a audiência transcorreu num clima bom e que o ministro sinalizou positivamente em relação aos pleitos. "O ministro Manoel Dias sempre foi meu amigo, desde a época em que participei das campanhas de Brizola e ele participou da minha de governador", lembrou.