Baneseano é escolhido em eleição direta para diretoria da Casse

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Novo diretor da casse é cumprimentado por colegas
Novo diretor da casse é cumprimentado por colegas

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 26/06/2012 às 15:35:00

O funcionário de carreira Francisco José dos Santos Neto, o Chiquinho, foi empossado ontem no cargo de diretor de Promoção à Saúde e Relacionamento com Associados da Caixa de Assistência dos Empregados do Banese (Casse). Ele foi escolhido para o cargo pelos servidores da instituição, dentro de um processo de eleição direta que, segundo a presidente do banco, Vera Lúcia de Oliveira, somente foi possível graças ao espírito democrático do governador Marcelo Déda e ao compromisso que ele assumiu com os baneseanos e o Sindicato dos Bancários do Estado.
"Este ato representa um compromisso cumprido pelo Governo, democratizando o banco e prestigiando os baneseanos que passarão a ter um diretor eleito na Caixa", disse a presidente do Banese durante a solenidade de posse, que lotou o auditório da sede do banco no Distrito Industrial.
Chiquinho foi eleito com 645 votos, o equivalente a 60,34% dos votos válidos apurados na eleição, que foi disputada por 12 candidatos. Funcionário do Banese desde 1979, quando ingressou no Banco como escriturário, Chiquinho foi diretor Administrativo e de Tecnologia da instituição e também presidente da Casse.
 Sensibilidade - O presidente do Sindicato dos Bancários, José Souza, ressaltou: "Tínhamos essa reivindicação há anos e, quando a levamos ao governador Marcelo Déda, ele, com a sua sensibilidade democrática, resolveu que ela seria atendida, tendo anunciado a sua decisão numa reunião que teve com gestores do Banese no dia 12 de dezembro do ano passado, no Museu da Gente Sergipana".
Fundada em 28 de dezembro de 1973, a Casse é uma instituição de natureza assistencial, sem fins lucrativos, que tem por finalidade oferecer a seus beneficiários serviços de assistência médico-hospitalar associados a padrões éticos e qualitativos de excelência.